Buscar

Polícia apreende 160 celulares suspeitos em camelódromo de Marília G1 Bauru e Marília.

Operação da PM busca inibir comercialização de celulares roubados. Ninguém foi preso, mas responsáveis pelo aparelhos sem nota serão intimados para explicar origem.


Celulares apreendidos no camelódromo de Marília serão vistoriados para identificação de procedência (Foto: Mariana Lima / TV TEM)

Celulares apreendidos no camelódromo de Marília serão vistoriados para identificação de procedência (Foto: Mariana Lima / TV TEM)



Força Tática da Polícia Militar de Marília (SP) realizou na tarde desta quarta-feira (2) uma grande operação para inibir a compra e venda de celulares roubados. A operação atingiu o comércio do centro da cidade, mas foi no camelódromo que policiais intensificaram as vistorias.
No local, os policiais apreenderam cerca de 160 aparelhos celulares sem nota fiscal. Todos eles serão vistoriados através do IMEI, um número único de identificação que todo celular habilitado possui, e que permitirá aos policiais saber se existe algum registro de crime para a aquele aparelho.
Polícia apreende 160 celulares suspeitos em camelódromo de Marília
Apesar do grande número de apreensões de aparelhos, ninguém foi preso. O capitão Márcio Licas, da Polícia Militar, explicou que as pessoas que tinham a posse de celulares sem nota fiscal terão de explicar a procedência do aparelho.
“Todos os aparelhos estão sendo relacionados para vermos a origem e a procedência, se é produto de furto ou não. As pessoas responsáveis por esses aparelhos foram qualificadas e posteriormente serão intimadas para irem à CPJ [Central de Polícia Judiciária] para darem a sua versão”, explicou o capitão.
Veja mais notícias da região no G1 Bauru e Marília.

Blogs

Postagens mais visitadas

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS