Buscar

Jubileu dos 300 anos do aparecimento de Nossa Senhora Aparecida

Vanessa Oliveira, da Mocidade Independente de Aparecida representou santa (Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM)
Vanessa Oliveira, da Mocidade Independente de Aparecida representou santa (Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM)
O jubileu dos 300 anos do aparecimento de Nossa Senhora Aparecida foram celebrados neste sábado (15) com uma missa no santuário da santa, situado na Rua Alexandre Amorim, no bairro Aparecida, na Zona Sul da capital. A escola de samba Mocidade Independe de Aparecida encenou o aparecimento da santa, que foi surgiu na rede de pescadores no Rio Paraíba, em São Paulo.
A imagem viajou o Amazonas e veio de Manacapuru, onde estava desde o dia 7 de outubro para a celebração do jubileu. A dona de casa Sandra Lima, de 57 anos, viajou 68 km de Manacapuru a Manaus para celebrar os 300 anos de Nossa Senhora Aparecida.A missa, iniciada às 17h,  foi presidida pelo arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Sérgio Castriani e contou com o santuário lotado por devotos da santa.
"Todos os anos a gente vem acompanhando, já é tradição. Lá na cidade eu frequento a igreja de Nossa Senhora de Nazaré, mas gosto muito da Aparecida também", afirma a dona de casa.
Arcebispo Dom Sérgio Castriani presidiu missa (Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM)Arcebispo Dom Sérgio Castriani presidiu missa
(Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM)
Durante a missa, itens regionais como a água dos rios Negro e Solimões, cocares dos bois Garantido e Caprichoso, e frutas da região como cupuaçu e tucumã foram colocados aos pés da santa.
Encenação
Depois do fim da missa, a Mocidade Independente de Aparecida encenou o aparecimento da santa aos pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves nas águas do rio Paraíba, próximo do Porto de Itaguaçu, na Vila de Guaratinguetá, em São Paulo. Integrantes da escola de samba representaram a santa, os pescadores, a Princesa Isabel e um escravo libertado pela santa das mãos de capatazes.
"A gente já tinha feito essa encenação na quadra da escola porque o nosso enredo do próximo ano é em homenagem à Nossa Senhora Aparecida, e o padre Inácio, que é o pároco da igreja assistiu e ficou muito feliz e resolveu trazer para cá", disse Saulo Borges, presidente da escola de samba.
FONTE:http://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2016/10/missa-em-manaus-celebra-300-anos-de-aparecimento-de-n-sra-aparecida.html

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS