Buscar

O município de Marília está posicionado entre as 25 cidades mais desenvolvidas do país



fonte: Jornal Diário de Marília

DA ASSESSORIA
O município de Marília está posicionado entre as 25 cidades mais desenvolvidas do país, segundo levantamento do Sistema Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) divulgado no final do ano passado e com dados de 2013. O estudo foi publicado, nesta semana, pela Revista Exame, da Editora Abril.
Com o IFDM (Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal) de 0,8730, a cidade de Marília aparece na 23ª posição no Brasil – entre mais de 5.500 municípios - e na 17ª colocação no Estado de São Paulo – bem à frente de outras cidades paulistas importantes como Ribeirão Preto, Sorocaba e São Carlos. E também supera os indicadores de outros municípios da região, como Bauru, Presidente Prudente e Araçatuba.
“Quando assumimos a Prefeitura uma das nossas grandes responsabilidades era recuperar a credibilidade moral, política e econômica do município, além de priorizar investimentos essenciais. Com isso, a nossa administração pode colaborar e ajudar no desenvolvimento de Marília, incentivando a indústria e privilegiando investimentos na área da educação. Somada a força de trabalho da nossa população e com uma gestão pública responsável foi possível chegarmos a estes números significativos que atingimos neste estudo da Firjan”, destaca o prefeito Vinicius Camarinha.
Índice elevado – O IFDM é calculado de acordo com três indicadores: emprego e renda; educação; e saúde. O índice varia de 0 a 1: quanto mais próximo de 1, melhor o desenvolvimento da cidade. “Apenas 7,8% dos municípios brasileiros possuem um índice de desenvolvimento considerado elevado. E Marília faz parte deste seleto grupo”, enfatiza Cássio Luiz Pinto Júnior, secretário municipal de Trabalho, Desenvolvimento Econômico e Turismo.
“Marília é a capital nacional do alimento e possui uma característica bem peculiar: a maioria das suas empresas industriais é de origem familiar, o que faz com que os investimentos sejam praticamente reaplicados no município. Este é o seu grande diferencial e que a faz a cidade ter este índice elevado de desenvolvimento em comparação com outros grandes municípios do país”, comenta Flávio Peres, diretor regional da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) em Marília.
“É importante ressaltar que Marília possui uma indústria bastante diversificada, que alavanca o seu crescimento e desenvolvimento de forma mais equilibrada e sustentável. A cidade possui um sistema educacional de qualidade que é fundamental para continuar a promover o seu aprimoramento tecnológico, por meio da inovação, base da competitividade das indústrias. Por isso, Marília possui todos os fundamentos para continuar a participar como importante referência de desenvolvimento no Brasil”, diz Chikao Nishimura, diretor regional do CIESP (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) da Alta Paulista.
Para o presidente da ACIM (Associação Comercial e Industrial de Marília), Libânio Nunes de Oliveira, este resultado reflete a grandiosidade do município no cenário nacional. “Marília possui serviços de ótima excelência nas áreas da educação, da saúde, de segurança pública e com bastante eficiência e dinamismo nos setores do comércio e da indústria. Tudo isso, está somado ao bom trabalho que vem sendo realizado pela administração do prefeito Vinicius Camarinha. Por isso, ficamos muito felizes com esta conquista e também pela cidade oferecer uma ótima qualidade de vida para a sua população”, afirma Oliveira.  
Segundo o chefe do Executivo, a tendência é que este índice de desenvolvimento aumente ainda mais nos próximos anos. “Graças aos investimentos que estamos promovendo nas áreas da educação, saúde, desenvolvimento econômico, com a nova lei de redução de impostos e com o projeto de criação do Parque Tecnológico, os nossos indicadores junto à Firjan devem melhorar ainda mais nas próximas avaliações”, finaliza o prefeito Vinicius Camarinha.  
Cidade atrai novas indústrias de grande porte
Apesar da grave crise econômica que o país vem enfrentando nos últimos anos, o bom desenvolvimento econômico e social de Marília tem conseguido atrair novas indústrias para o município.  Entre as empresas que já anunciaram as instalações de novos empreendimentos estão a RCG Tecnologia Eletromecânica e a Harald Chocolates.
A RCG está instalando uma unidade produtora de lâmpadas Led em Marília, num investimento de R$ 20 milhões. O prefeito Vinicius autorizou, no ano passado, a doação de uma área de 12 mil metros quadrados para essa finalidade. Já a Harald – chocolates industriais – vai construir uma fábrica no município destinada principalmente ao segmento de castanhas. A empresa – do grupo Fuji Oil – irá investir cerca de R$ 50 milhões na nova unidade de 18 mil metros quadrados, em área doada pela Prefeitura no distrito de Lácio.
“São empresas com elevado potencial de investimentos, que possuem a máxima estrutura - com mercado no Brasil e exterior, e que utilizam na sua linha industrial uma tecnologia de ponta. Há muito tempo Marília não conquistava indústrias deste grande porte. Mesmo com a estagnação econômica do Brasil, estamos conseguindo trazer novas empresas para a cidade. A melhor forma de vencer a crise é buscar o crescimento. É isso o que estamos fazendo”, ressalta o prefeito Vinicius Camarinha. Juntas, a RCG e a Harald devem gerar mais de 800 empregos diretos para o município.
“Sem falar que, no ano passado, também tivemos uma média mensal de 200 novas empresas se instalando na cidade e investindo um capital social de R$ 4 milhões por mês - o que totalizou um montante de aproximadamente R$ 50 milhões em recursos aplicados no nosso município”, finaliza Cássio Pinto Júnior.  
Redução de impostos gera investimentos e mais empregos para o município
No final do ano passado, o prefeito Vinicius Camarinha sancionou a lei que reduz impostos para os serviços de TI (Tecnologia da Informação), para as áreas de transporte público e da construção civil.
Entre as medidas adotadas para desburocratizar o Código Tributário do Município, o pacote autoriza a redução da alíquota do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) de 5% para 2% para os serviços de TI e também na área de transportes. Para a construção civil, o pacote permite que todas as construtoras da cidade façam a dedução das despesas tributárias dos materiais empregados em obras realizadas no município. A outra lei estende os benefícios fiscais para os empreendimentos construídos na área rural e que fazem parte do programa “Minha Casa, Minha Vida”, garantindo a isenção total do ISSQN.
“Apesar de estarmos convivendo com a crise econômica, o nosso governo tem buscado alternativas que estimulem o desenvolvimento econômico e social da nossa cidade, seja na área urbana ou no segmento rural”, destaca o prefeito Vinicius.
O secretário Cássio Luiz Pinto Júnior ressalta também que a redução dos impostos é mais um importante passo para viabilizar a instalação do Parque Tecnológico em Marília. “Esta nova alíquota é um dos critérios para se conseguir o credenciamento provisório do Parque Tecnológico. A sua instalação fará com que Marília, num raio de aproximadamente 200 km, seja um grande centro de desenvolvimento de TI, consolidando a cidade com uma visão administrativa moderna e inovadora”, afirma Cássio Pinto Júnior.
Educação e Saúde recebem nota máxima do TCE 
Além do bom resultado com o índice da Firjan, a cidade de Marília também recebeu, no final do ano passado, a nota máxima do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo pelos investimentos em Educação e Saúde. O estudo do TCE realizou uma ampla pesquisa em todos os municípios paulistas.
“Ninguém pode duvidar da credibilidade do TCE. A indicação do Tribunal comprova a lisura e responsabilidade de nossa administração. Estamos cumprindo à risca o planejamento traçado e o compromisso assumido para com a população. Não está fácil, por causa da retração econômica do país. Porém, com muita garra e uma equipe competente como a minha, estamos dia a dia atingindo os objetivos administrativos, e recuperando a credibilidade do administrador perante à população”, comenta o prefeito Vinicius Camarinha.
Segundo o chefe do Executivo, as áreas de Educação e Saúde são prioridades do seu governo. “A nossa administração não tem medido esforços para investir nestes setores, cumprindo anualmente a aplicação de percentuais bem acima do estipulado pela lei. O nosso foco é de sempre valorizar o bem-estar do ser humano, especialmente das nossas crianças e idosos”, concluiu Vinicius.  

Blogs

Postagens mais visitadas

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS