Buscar

Dólar sobe e bolsa cai com a reeleição de Dilma

A vitória da presidente Dilma Rousseff na corrida pela eleição presidencial trouxe mau-humor para o mercado financeiro nesta segunda-feira. O dólar, que começou a ser negociado às 9h (horário de Brasília) já subia 3,37% com apenas 20 minutos de pregão. Na máxima, chegou a subir 4,21%, a 2,5605 reais, maior nível intradia desde 5 de dezembro de 2008, quando atingiu 2,6190 reais. No decorrer da manhã, porém, a alta perdeu (um pouco) o fôlego e o dólar estava cotado a 2,5419 reais (avanço de 3,45%) às 10h30. 
Às 10h, quando as negociações começaram na BM&FBovespa, o principal índice, o Ibovespa, abriu em queda de 0,11%, aos 51.882 pontos. Com apenas 10 minutos de pregão, o Ibovespa já amargurava 1,44% de queda, aos 51.191 pontos. As perdas foram se intensificando ao longo da manhã e, por volta de 10h25, a bolsa caía 6,20%, aos 48.729 pontos. 
Segundo a agência Reuters, operadores não descartam que seja acionado o mecanismo de "circuit breaker", que controla a oscilação do Ibovespa, interrompendo as negociações por trinta minutos quando a queda alcança 10%. Após esse intervalo, o índice volta a ser transacionado, mas se a queda alcançar 15%, as operações voltam a ser suspendidas, desta vez com intervalo de 1 hora. Se a queda alcançar 20%, ocorre a suspensão dos negócios por prazo a ser definido pela bolsa.

fonte:http://veja.abril.com.br/noticia/economia/dolar-dispara-quase-4-e-bate-r-255-bolsa-abre-em-queda

Blogs

Postagens mais visitadas

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS