Buscar

Piso Salarial Professores 2014

DIFERENÇA ENTRE PISO DO RS E NACIONAL AUMENTA

Mesmo com a aprovação de um calendário de reajustes, no fim de 2014, o básico será de R$ 1.260,19

Fonte: Zero Hora (RS)
Publicada ontem no Diário Oficial da União, uma portaria revisou para baixo a estimativa de aumento do piso nacional dos Professores. A projeção anterior era de um reajuste de 19%, mas a queda da receita do Fundeb utilizado para calcular a correção pelo índice custo/Aluno fará com que os Docentes recebam aumento de 8,32% a partir de janeiro de 2014. Com isso, o básico da categoria saltará de R$ 1.567 para R$ 1.697,39 por 40 horas de trabalho semanais. O novo valor aumentará a diferença em relação ao que recebem hoje os Professores do Rio Grande do Sul. Atualmente, os Docentes do Estado recebem R$ 1.040,55. Mesmo com a aprovação de um calendário de reajustes, no fim de 2014, o básico será de R$ 1.260,19.
Sem dinheiro para pagar o piso, o Piratini promete aumentar o completivo que os Professores recebem para igualar o valor final do salário ao mínimo nacional, mas sobre o qual não incidem as vantagens. O abono foi autorizado pelo Judiciário após acordo entre o governo e o Ministério Público.
– Essa variação do índice é um dos motivos para que a gente reprove o reajuste pelo Fundeb. Um dia, era 19%. Agora, é 8,32%. Não tem como prever dinheiro no orçamento do Estado com essa insegurança. De qualquer forma, assim que o Ministério da Educação oficializar o reajuste, aumentaremos o completivo – explica a secretária adjunta da Educação, Maria Eulália Nascimento.
O índice de 8,32% de aumento foi comemorado pela Confederação Nacional dos Municípios, diante da perspectiva anterior, de 19%. Mesmo assim, segundo estimativa da entidade, que defende a correção pelo INPC acumulado no ano anterior, os municípios estão caminhando para um colapso na área da Educação, já que quase 80% dos recursos do Fundeb recebidos pelas prefeituras serão utilizados para pagar os Professores.
– Os municípios não têm mais como governar. Todo o dinheiro do Fundeb está indo para o magistério. Vamos ter um impacto de mais de R$ 4 bilhões com o reajuste. Menos mal que não passou o de 19%, porque daí seria de quase R$ 10 bilhões – afirma o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.

2 comentários:

  1. O piso para 2014 tem que ser O PISO LEGAL, de acordo com artigo 5º da lei do piso. E NÂO O PISO PIRATA DO MEC. Confira o valor do piso legal, lendo:http://valdecyalves.blogspot.com.br/2013/12/valor-do-piso-legal-nacional-dos.html

    ResponderExcluir
  2. Assista ao documentário gravado por Dr.Valdecy Alves em que debate as principais violações à Lei do Piso do professor, Lei Federal nº 11738/2008, gravado na manhã de 06/03/2014. Além da análise de cada uma das violações desde 2008, demonstra as principais fraudes praticadas contra direitos dos professores contidos na lei e da educação de qualidade. http://valdecyalves.blogspot.com.br/2014/03/documentario-sobre-lei-do-piso-violada.html

    ResponderExcluir

Arquivo do blog

NOTÍCIAS

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS