Buscar

Um poema Imparcialista ao ministro Joaquim Barbosa



Um poema ao ministro Joaquim Barbosa

 Joaquim Benedito Barbosa Gomes
É o exemplo de homem negro que o Brasil precisava,
Um homem negro intelectualizado,
Um homem negro longe de todos os estereótipos
Que delimitam e faz a segunda escravidão do negro brasileiro.

Estereótipos que delimitam o negro
Ao entretenimento: carnaval, sexo, futebol...
Rótulos do descaso histórico
Que resultou em assistencialismo,
Falsa compaixão, favela, Pobreza, 
Preconceitos, criminalidade, burrice,
Exploração, preguiça e desonestidade...

A poesia Imparcialista já havia pensado
Na intelectualização do homem negro;
Joaquim Benedito Barbosa Gomes
Veio coroar esse pensamento Imparcialista.

Albano Morais
J.Nunez

Blogs

Postagens mais visitadas

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS