Buscar

Saiu a classificação no GDAE 2012

PROFESSOR,
CONSULTE SUA CLASSIFICAÇÃO NO GDAE
LINK:

http://drhunet.edunet.sp.gov.br/portalnet/

VOLTA ÀS AULAS 2012

VOLTA ÀS AULAS - Rede Municipal tem calendário diferençado para início do ano letivo (26/01/2012)
Os Berçários terão início das aulas com período diferençado, para adaptação das crianças às unidades


O ano letivo na Rede Municipal de Ensino inicia em fevereiro. Para isso, a SME (Secretaria Municipal da Educação) preparou um calendário especial de volta às aulas que contemplam os diferentes públicos que são atendidos em suas 50 unidades.

De acordo com a diretora de gestão administrativa da SME, Ana de Fátima Rubira Furlan, as Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) iniciam as aulas na próxima quinta-feira (2) para os cerca de 9.000 alunos matriculados.

No mesmo dia inicia período especial para os Berçários e as Emeis (turmas de Berçário VI e Maternal I – até 2 anos), em que as crianças ficam em tempo reduzido na unidade escolar para a adaptação dos menores ao ambiente.

No dia 7 inicia o período de adaptação das crianças no Maternal II, de 3 anos.

No dia 9 iniciam as aulas para os alunos matriculados nas Emeis das turmas de Infantil I e II – 4 e 5 anos – e todas as crianças passam a frequentar a escola no período normal.

CORREIOS: RASTREAMENTO DE OBJETOS

Notícias educação e professores: Jornada extraclasse

O Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu ontem a favor do governo estadual na questão da jornada extraclasse dos professores, exigência da Lei Nacional do Piso. A sentença foi unânime.

A decisão foi da 10.ª Câmara de Direito Público do TJ-SP, que acolheu recurso proposto pela Fazenda do Estado de São Paulo. O documento pedia a manutenção da proposta da Secretaria Estadual de Educação, que consta na Resolução 8/2012, para o cumprimento da jornada.

O desembargador Antonio Celso Aguilar Cortez, relator do recurso, considerou, em seu voto, a Lei Complementar Estadual n.º 836/97, cujo texto define que a hora de trabalho do docente tem 60 minutos, sendo que 50 deles são para dar aulas.

O relator considerou que a jornada de 40 horas (2,4 mil minutos) não é composta por 40 aulas, mas sim por 33 aulas de 50 minutos no diurno e 45 minutos no noturno.

Ainda existe um mandado de segurança contra a secretaria, mas o mérito não foi julgado. Enquanto isso não ocorrer, é a decisão de ontem que vale.

Em nota, a pasta afirmou que "aguarda pela decisão a ser proferida em 1.ª instância pela 3.ª Vara da Fazenda Pública". A reportagem tentou entrar em contato diversas vezes com a presidente do sindicato dos professores (Apeoesp), Maria Izabel Noronha, ontem, mas sem sucesso.

O impasse jurídico entre a secretaria e o sindicato começou quando o governo apresentou sua proposta para cumprir a Lei do Piso, que exige que um terço de jornada docente seja dedicado a atividades fora da sala de aula. O governo diminuiu uma aula da carga horária. A Apeoesp afirma que sete devem ser retiradas e entrou na Justiça contra a pasta.

/ MARIANA MANDELLI

http://www.todospelaeducacao.org.br/comunicacao-e-midia/educacao-na-midia/21237/tj-decide-a-favor-de-sp-em-jornada-do-piso/

Escolas Particulares.

ESCOLAS PARTICULARES
NA REGIÃO  DE  MARÍLIA

Acesse o link da Diretoria de Ensino de Marília
http://demarilia.edunet.sp.gov.br/Planejamento/Relacao_de_Unidades_Escolares_Particulares_por_Municipio_2011.pdf

Assalto em Pizzaria na Cidade de Marília - Jonal Diário de Marília

Quatro pessoas – entre homens e mulheres – foram amarradas com cordas após assalto a uma pizzaria no bairro Barbosa, região central da cidade, no início da madrugada de ontem (30). Os criminosos fugiram levando quase R$ 3 mil em dinheiro e ainda não foram identificados pela polícia.
A ação foi rápida e durou menos de cinco minutos. Proprietários e funcionários ainda estavam no final do expediente e se preparavam para fechar quando, por volta da 0h45, dois homens armados e encapuzados invadiram o estabelecimento, localizado na rua Oscar Leopoldino da Silva, e anunciaram o assalto.
O proprietário M.H., 40, e sua esposa, M.S., 36, além da copeira T.S., 56, e o balconista P.L.B., 46, foram rendidos.
Os ladrões apontaram as armas para a cabeça das vítimas e exigiram dinheiro.
A copeira entregou R$ 210 e o balconista R$ 262 que tinham em suas carteiras. Logo depois, eles obrigaram o empresário a abrir o caixa e roubaram R$ 2,5 mil, referente ao movimento do final de semana.
Em seguida, os criminosos levaram as vítimas para o fundo da pizzaria e as amarraram com cordas de nylon.
Rapidamente, a dupla deixou o estabelecimento. M.H. conseguiu se livrar das amarras pouco depois e acionou a Polícia Militar. Foi dado alerta geral na cidade e várias buscas foram feitas, no entanto nenhum suspeito foi encontrado e preso.
Em depoimento, as vítimas afirmaram que os bandidos estavam a pé, no entanto a desconfiança é da existência de pelo menos mais um comparsa. O terceiro criminoso estaria em um carro estacionado nas proximidades e teria ajudado na fuga.

 

Peritos do Instituto de Criminalística estiveram no local e colheram provas que podem auxiliar na identificação dos ladrões.
A DIG (Delegacia de Investigações Gerais) instaurou inquérito para investigar o caso. Até o fechamento desta edição, a autoria do crime ainda era desconhecida.


Mais dois roubos são registrados em uma hora

Em apenas uma hora, a polícia registrou dois roubos no início da tarde de ontem. O primeiro caso aconteceu por volta das 13h15. Homem – a identidade não foi revelada – chegava em sua casa, na rua José Coneglian, no Jardim Ohara, zona oeste da cidade, quando foi abordado por dois ladrões em uma moto escura e sem placa.
O garupa sacou um revólver e anunciou o assalto. A vítima entregou o notebook e celular que carregava aos bandidos, que rapidamente fugiram sentido centro pela Avenida Santo Antônio.
Enquanto a Polícia Militar ainda fazia buscas, dois assaltantes agiram contra um açougue na Avenida João Ramalho, no Nova Marília, zona sul. Dois funcionários foram rendidos.
“Um deles estava com uma arma e exigia o dinheiro. Ele ainda empurrou um dos balcões, pegou o dinheiro do caixa e os dois fugiram a pé”, conta o gerente Mário Aparecido Bassio, 58, uma das vítimas. Ao todo, os bandidos levaram cerca de R$ 300.

FONTE: http://www.diariodemarilia.com.br/Noticias/107533/Vtimas-so-amarradas-aps-assalto-a-pizzaria

O governo apresentou ontem uma nova proposta de aumento aos professores da rede pública do Rio Grande do Sul.

O governo apresentou ontem uma nova proposta de aumento aos professores da rede pública do Rio Grande do Sul. Divulgado em audiência com o Cpers na Capital, o reajuste oferecido é de 23,5%, dividido em três parcelas. A categoria deve começar a discutir os índices oferecidos pela administração estadual a partir da próxima semana.

Aassembleia dos professores para avaliar a oferta está marcada apenas para março, após as férias Escolares. A reunião de ontem ocorreu na sede da Companhia de Processamento de Dados do Rio Grande do Sul (Procergs).

A primeira das parcelas, de 9,84%, seria paga em maio. Outra, de 6,08%, no mês de novembro, e a última, de 6%, em fevereiro de 2013. O governo, entretanto, não apresentou um calendário para o pagamento do piso nacional, principal reivindicação da categoria.

O chefe da Casa Civil, Carlos Pestana, ressaltou que o percentual oferecido foi calculado com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), e que é “um dos maiores já oferecidos nos últimos governos”.

– O valor corresponde a 185,7% a mais do que a inflação acumulada no período de 2010/2011. Somando com o reajuste de 2011, teremos 36,98% de aumento – calculou Pestana.

Cálculo do índice oferecido é questionado
Ao todo, serão desembolsados R$ 800 milhões até fevereiro do ano que vem, provenientes do Caixa Único do Estado. Para o secretário de Educação Jose Clovis de Azevedo, outros pontos de negociação seguem na pauta, como o desconto dos dias parados na última greve, questão que ainda segue sem definição.

Decepcionada com a não apresentação de um calendário para o pagamento do piso nacional, a presidente do Cpers, Rejane de Oliveira, afirmou que o governo está deixando de lado a maior reivindicação da categoria.

– O governo não apresenta um calendário de pagamento do piso porque não sabe de quanto será o reajuste do piso nos próximos anos. Isso para nós é muito grave. Quando alguém quer pagar uma dívida, e diz que vai pagar até 2014, deveria dizer como vai pagar – reclamou.

Rejane questionou, ainda, o índice oferecido pelo governo. Segundo ela, o aumento real em 2012 será de apenas 6,08%, menor do que os 10,91% pagos em 2011:

– Em maio, é incorporação do abono, que representa R$ 38,91. Isso não muda exatamente nada na nossa categoria, apesar de ser uma reivindicação. Mas, em termos de valorização profissional, é seis por meia dúzia. Isso já está no nosso contracheque.

Proposta
PARA 20 HORAS SEMANAIS

Confira como fica o vencimento básico dosprofessores com o aumento proposto pelo governo:
- Atualmente – R$ 395,54- Maio – R$ 434,46- Novembro – R$ 460,87- Fevereiro de 2013 – R$ 488,52

PARA 40 HORAS SEMANAIS

- Atualmente – R$ 791,08- Maio – R$ 868,92- Novembro – R$ 921,75- Fevereiro de 2013 – R$ 977,05

Fonte: governo do Estado

Artigos Imparcialistas: Rita Lee é desacata e faz apologia a drogas.....

Artigos Imparcialistas: Rita Lee é desacata e faz apologia a drogas.....: A suposta Liberdade e a escravidão dos viciados Quando assistimos essas apologias a drogas, vícios, sexo E a todos os tipos de d...

Jornal do Brasil - Coisas da Política - Mercadante e a revolução do ensino

Jornal do Brasil - Coisas da Política - Mercadante e a revolução do ensino

Concurso para 10 mil cargos de agentes de organização escolar

As inscrições poderão ser feitas no site da Fundação Vunesp, das 10h do dia 14 de março às 16h do dia 26 de março

Foram publicadas no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (25) as instruções especiais do concurso público para o preenchimento de 9.932 cargos de agente de organização escolar (AOE). Os interessados poderão se cadastrar no site da Fundação Vunesp, das 10h do dia 14 de março às 16h do dia 26 de março. O valor da inscrição é de R$ 22,90 e o pagamento deve ser feito via boleto bancário, disponível para impressão no mesma página.

O concurso será composto por prova objetiva, sobre conhecimentos gerais e específicos, além de avaliação de títulos. A data, horários e locais do exame serão divulgadas em breve por meio de edital no Diário Oficial e no site da Fundação Vunesp.

Para concorrer às vagas, os candidatos deverão atender a algumas exigências, entre elas possuir certificado de conclusão em curso de nível médio ou equivalente, reconhecido pela Secretaria da Educação, e ter conhecimentos de informática. Outros requisitos necessários podem ser consultados nas instruções do concurso.

Ao realizar a inscrição, o candidato deverá optar por uma das 91 diretorias de ensino pertencentes à rede estadual de ensino de São Paulo, na qual realizará a prova e a entrega de títulos e a qual estará vinculado para fins de classificação, escolha de vaga e nomeação. O cadastro só será confirmado após a comprovação do pagamento da taxa de inscrição.

A função do agente de organização escolar é dar suporte às ações da secretaria e atender à comunidade da escola, de acordo com as necessidades da respectiva unidade de ensino. A jornada de trabalho do AOE é de 40 horas semanais e o salário é de R$ 800,00.

Leia também:

Compras de Roupas e acessórios

Coquelux
é um clube de compras on-line que oferece, exclusivamente para os seus sócios, campanhas de vendas das melhores marcas, com descontos de até 90%.
http://www.coquelux.com.br/


Glamour
é a maior loja de departamento com foco em moda casual e acessórios do Brasil e oferecemos aos nossos clientes mais de 15 mil produtos de mais de 50 grifes de prestígio nacional e internacional como Polo Ralph Lauren, Tommy Hilfiger, Calvin Klein Jeans, La Martina, Hudson Jeans, Love Moschino e Guess. Nossos departamentos estão divididos em Vestuário Feminino, Vestuário Masculino, Bolsas, Relógios, Calçados e Acessórios..
http://www.glamour.com.br/

Blog e site da APEOESP

 

Maria Izabel Azevedo Noronha, mais conhecida como Bebel, foi eleita presidenta da APEOESP em junho de 2008. É a sua segunda gestão à frente da presidência da APEOESP. Bebel também faz parte do Conselho Nacional de Educação, órgão do Ministério da Educação, como representantes dos trabalhadores.

Blog:
http://apeoesp.wordpress.com/

Site:
http://www.apeoesp.org.br/







Diretoria de Ensino - Região de São José dos Campos

R. Porto Príncipe, 100 - Vila Rubi -

CEP 12.245-572 - Fone: (12)3519-4200

site: http://www.desjcampos.com.br/

Diretoria de Ensino de Susano

Diretoria de Ensino - Região Suzano
          

Telefone: Diretoria de Ensino - Região Suzano.
Telefone: (11) 4746-7210 -
FAX: (11) 4746 -7256.
E-mail: de-suzano@edunet.sp.gov.br11) 4746-7210 - FAX: (11) 4746-7256


PROCESSO SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIO

Processos Seletivos 2012


Secretaria de Governo, Trabalho e Inclusão - Informática Arquivos: -


EDITAL SA.10 nº 01/2012

http://www.marilia.sp.gov.br/prefeitura/processo_seletivo/arquivos/edital_processo_seletivo_estagiarios_informatica_sgti.pdf

O Pronacampo pretende combater um dos gargalos da educação: dar mais atenção à educação rural.

                                             Lisandra Paraguassu

Todos Pela EducaçãoO novo ministro da Educação, Aloizio Mercadante,deverá apresentar nas próximas semanas seu primeiro programa.O Pronacampo, preparado ainda durante a gestão de Fernando Haddad, pretende combater um dos gargalos da educação: dar mais atenção à educação rural, uma modalidade de ensino que abriga quase 6,5 milhões de estudantes, mas tem as piores escolas, professores e indicadores.

Pelo menos mil municípios, com índices de pobreza aguda, receberão um grupo de ações para reverter o abandono. O projeto, que foi apresentado à presidente Dilma Rousseff durante as reuniões ministeriais da semana passada, inclui desde a construção de novas escolas até a formação dos professores.
A lista dos municípios que serão beneficiados ainda não está fechada, mas se concentrará nas regiões Norte e Nordeste. O Prona campo começa pela construção ou reformadas escolas.
Os recursos já estariam garantidos no orçamento do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação( FNDE)e seriam repassados às prefeituras da mesma forma que hoje chega o dinheiro do Programa de Aceleração do Crescimento: em uma conta separada da prefeitura que só pode ser movimentada para pagamentos daquela obra específica.
A licitação para a contratação das empresas que farão as escolas deverá ser centralizada. O próprio FNDE já fez o projeto do que deverão ser as escolas. Salas de aula, ginásio de esportes, refeitório,salas administrativas, uma área para hortas e outras atividades rurais e até mesmo dormitórios, para alunos e professores, estão previstos.

Apesar de incluir também a compra de transporte escolar, o Pronacampo prevê a possibilidade de transformar algumas escolas em um semi-internato.

Contraste
As imagens quase idílicas usadas nos projetos, com vaquinhas holandesas e crianças loiras, estão distante da realidade das escolas rurais.A maioria das 80 mil unidades está muito abaixo de um padrão mínimo de qualidade. Muitas não têm água ou luz, a maioria não tem laboratório, biblioteca ou espaço de lazer. Há casos, segundo relatório do FNDE,de escolas com teto de folhas de coqueiro.
Cálculo preliminar do MEC mostra que 78 mil professores das zonas rurais têm apenas o ensino médio.O programa pretende levar formação para esses docentes. A intenção é criar pequenos núcleos da Universidade Aberta do Brasil, sistema de ensino a distância do governo federal.

Fonte:

Cidade de Marília | Facebook

Blog Cidade de Marília | Facebook
 
Blog Cidade de Marília

PRÉDIO DESABA PARCIALMENTE NO RIO DE JANEIRO POR VOLTA DAS 20h30

Um prédio desabou parcialmente na noite desta quarta-feira no centro do Rio de Janeiro. Ainda não há informações de vítimas. Homens da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar estão no local. A Light desligou a luz nos arredores para evitar incêndios.

O edifício Liberdade desabou por volta das 20h30. O prédio comercial tem 18 andares e fica na avenida Treze de Maio, próximo ao Theatro Municipal, na Cinelândia. Os bombeiros ainda não sabem se havia pessoas no prédio, que fecha às 21h.

Pessoas que estavam em prédios vizinhos contam que sentiram os imóveis balançarem, como se estivesse acontecendo um terremoto. Carros que estavam estacionados no entorno estão cobertos de poeira e entulho.

Segundo informações do Centro de Operações da prefeitura, a área foi isolada e provoca a interdição dos dois sentidos da avenida Almirante Barroso, entre a rua Senador Dantas e a avenida Rio Branco.

O prédio ao lado do edifício Liberdade, na avenida Treze de Maio, também ameaça desabar. Bombeiros tentam retirar pessoas que estão em um dos últimos andares do edifício e que sinalizam com celulares pedindo socorro.

fonte:

Artigos Imparcialistas: Sexo entre colegas: 1/3 das mulheres fazem sexo co...

Artigos Imparcialistas: Sexo entre colegas: 1/3 das mulheres fazem sexo co...: Sociedade sexo entre amigos, Sociedade do Prazer, Sociedade sexo facilíssimo, Sociedade desvalovização humana, E desvalovização das vir...

Tribunal de Justiça suspende liminar e autoriza jornada instituída pela Secretaria | Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Tribunal de Justiça suspende liminar e autoriza jornada instituída pela Secretaria Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Cidade de Marília: Assalto em saidinha de Banco em Marília

Cidade de Marília: Assalto em saidinha de Banco em Marília: Pai e filho, de apenas oito anos, foram rendidos e ameaçados em roubo cometido logo após saque bancário em plena luz do dia e no centro da c...

Assalto em saidinha de Banco em Marília

Pai e filho, de apenas oito anos, foram rendidos e ameaçados em roubo cometido logo após saque bancário em plena luz do dia e no centro da cidade. Criminosos estavam em uma moto e rapidamente fugiram levando quase R$ 4 mil em dinheiro. Um suspeito foi reconhecido pela vítima.
Segundo a Polícia Militar, por volta das 14h, o coordenador de compras, L.R.A., 29, foi até agência bancária do Itaú na Avenida Sampaio Vidal acompanhado do filho. Após sacar cerca de R$ 3,6 mil, os dois seguiram em uma moto até o Mercadão Municipal, no cruzamento das ruas Nove de Julho com a Quinze de Novembro.
Logo após pai e filho descerem do veículo, os bandidos agiram. O garupa de uma Honda CG Titan preta saltou da moto e sacou um revólver, anunciando o assalto. Assustado, o coordenador correu para o interior do Mercadão, no entanto a criança ficou paralisada. O criminoso gritou dizendo que mataria o menino caso o homem não voltasse e entregasse todo o dinheiro.
L.R.A. obedeceu e passou tudo o que tinha aos ladrões - R$ 3.670, dois celulares e a chave da moto. Enquanto os assaltantes fugiam rapidamente, testemunhas acionaram a Polícia Militar. Viaturas tentaram cercar as rotas de fuga, sem sucesso. Foram feitas buscas na região sul, mas não havia pistas dos autores.
Em depoimento, o coordenador de compras afirmou ter visto no caixa ao lado no banco um homem com as mesmas características de um dos criminosos - moreno, magro e camiseta branca. Pouco depois, ele reconheceu um dos ladrões através de foto, mas ele não foi encontrado. Para não atrapalhar as investigações, a identidade do suspeito não foi revelada.
Ainda abaladas, as vítimas não quiseram dar entrevista. O caso está sendo investigado pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais).
FONTE JORNAL DIÁRIO DE MARÍLIA: http://www.diariodemarilia.com.br/Noticias/107341/Pai-e-filho-so-rendidos-em-assalto-na-saidinha-de-banco

BANCOS DE PNEUS - RECICLAGENS - O meio ambiente agradece.

Artigos Imparcialistas: O pós moderno, a sociedade contemporânea, a socied...

Artigos Imparcialistas: O pós moderno, a sociedade contemporânea, a socied...

Vagas Agentes de Serviços Escolares

Dois graves acidentes na SP-294 (Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros) Jornal Diário de Marília

Dois graves acidentes na SP-294 (Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros) no final de semana deixaram quatro mortos e outras quatro pessoas feridas. Em ambos os casos, o desrespeito às leis de trânsito teriam provocado as fatalidades, segundo a PRE (Polícia Rodoviária Estadual).
O primeiro registro aconteceu na noite de sábado (21), por volta das 20h, no trecho da Rodovia do Contorno próximo do acesso ao Jardim Parati, zona sul. O operador de máquinas Luís Fernando de Carvalho, 21, pilotava moto Yamaha Fazer, com placas de Itapetininga, quando perdeu o controle e bateu na mureta central.
Com o impacto, o jovem sofreu ferimentos por todo o corpo e traumatismo craniado. Médicos do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) ainda realizaram os primeiros socorros, mas Carvalho morreu ainda na pista.
A polícia acredita que a mistura de álcool e direção tenha provocado o acidente. O IML (Instituto Médico-Legal) realizou necrópsia do corpo e laudo deve confirmar se o jovem ingeriu bebidas alcoólicas antes de pilotar a moto. O corpo dele foi sepultado no domingo no Cemitério da Saudade.
Já no domingo à tarde, por volta das 16h, Toyota Hilux SW4, placas de Bastos, aquaplanou no quilômetro 490 da rodovia, em Pompeia (35 km de Marília), invadiu a pista contrária e bateu de frente em Chevrolet Montana, de São Paulo.
A violenta batida matou na hora o aposentado Simpliciano Ribeiro, 72, e sua esposa Rosa Maria Abud Ribeiro, 65, que estavam na picape. Fumiko Fujimori Yamauchi, 59, que estava no banco de trás do utilitário, também morreu instantaneamente.
Filho de Fumiko, Éliton Yamauchi, 35, que dirigia a SW4, e sua esposa, Viviane, 37, sofreram ferimentos graves e estão hospitalizados. Os filhos do casal, Lucas, 13, e Helen, 7, tiveram apenas escoriações.
Para a PRE, o acidente aconteceu graças a combinação de excesso de velocidade e chuva. Peritos do Instituto de Criminalística estiveram no local e devem emitir laudo com as causas da batida em até 30 dias.
Fonte: http://www.diariodemarilia.com.br/Noticias/107311/Quatro-morrem-em-acidentes-na-SP-294

Artigos Imparcialistas: fechamento do site Megaupload.com - Crise na Era d...

Artigos Imparcialistas: fechamento do site Megaupload.com - Crise na Era d...: O fechamento do site Megaupload.com Deixa evidente uma na crise Era da Informação, e que Os avanços tecnológicos, os acessos gratuito...

Secretaria da Educação institui jornada de trabalho de dois terços em sala de aula para professores | Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Secretaria da Educação institui jornada de trabalho de dois terços em sala de aula para professores Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Artigos Imparcialistas: Video Carlos Nascimento - Brasileiros de tornaram perfeitos idiotas - “Menos a Luiza, que está no Canadá” E outras bobagens Como “ai se eu te pego” - dizem que são coisas para ser estudadas - minha bisavó já estudou e disse que isso é coisa de gente sem o que fazer...

Artigos Imparcialistas: Video Carlos Nascimento - Brasileiros de tornaram perfeitos idiotas - “Menos a Luiza, que está no Canadá” E outras bobagens Como “ai se eu te pego” - dizem que são coisas para ser estudadas - minha bisavó já estudou e disse que isso é coisa de gente sem o que fazer...

Morreu aos 73 anos nesta sexta, 20, a cantora Etta James.

por Redação
20 de Jan. de 2012 às 14:51
 
Morreu aos 73 anos nesta sexta, 20, a cantora Etta James. A informação é do site da Rolling Stone EUA. Internada primeiramente em maio por causa de uma infecção sanguínea, Etta foi diagnosticada com uma leucemia crônica e incurável no início de dezembro
.
Mais conhecida por sua versão da faixa "At Last”, de Mack Gordon e Harry Warren, Etta trabalhou no meio artístico por cinco décadas. Na lista de artistas que foram influenciadas por ela estão nomes como Beyoncé e Adele.
A artista foi inclusa na lista da Rolling Stone EUA dos 100 maiores cantores de todos os tempos e dos 500 maiores discos de todos os tempos com o disco At Last!. O maior período de sua carreira foi durante as décadas de 50 e 60, no blues e no R&B, embora tenha cantado outros estilos, como o soul, rock, gospel e jazz.
Vencedora de seis prêmios Grammy e 17 Blues Music Awards, ela entrou para o Hall da Fama do Rock em 1993. Oito anos mais tarde, passou a integrar também o Blues Hall of Fame.
Uma outra canção que fez bastante sucesso em sua voz é "I'd Rather Go Blind", ouça abaixo.

Para cumprir a Lei do Piso Nacional do Professor, o governo de São Paulo vai contar como período para atividades extraclasse um tempo que já faz parte do cotidiano docente.

SP vai contar intervalo de aula como ‘atividade extraclasse’ de professor

Secretaria Estadual da Educação também vai tirar uma aula da carga horária dos profissionais

Sexta, 20 de Janeiro de 2012, 00h11
Mariana Mandelli, de O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO - Para cumprir a Lei do Piso Nacional do Professor, o governo de São Paulo vai contar como período para atividades extraclasse um tempo que já faz parte do cotidiano docente e, na prática, é utilizado como intervalo entre aulas. Além disso, para atingir o mínimo exigido de um terço do tempo fora da sala de aula, a Secretaria Estadual de Educação vai diminuir uma aula dos professores.
A Lei do Piso, de 2008, garante que 33% da jornada sejam utilizados para correção de provas, preparação de aulas e formação profissional, entre outras atividades.
A secretaria paulista não cumpria a exigência. Na tarde de quarta-feira, 18, a Justiça determinou que o governo cumprisse em 72 horas uma liminar concedida em novembro ao Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado (Apeoesp), que exigia a aplicação da jornada da lei.
Hoje, de acordo com a pasta, um professor que tem uma jornada de 40 horas semanais diurnas passa 27,5 delas (68,7%) em classe - um total de 33 aulas. O restante (31,3%) é dividido em 4 horas para atividades extraclasse livres, como preparação de aulas e avaliação de trabalhos, e 3 horas para atividades extraclasse coletivas na escola, como reuniões.
As 5,5 horas faltantes estão em uma resolução de 2006, que determina que o professor do diurno permaneça 10 minutos a mais para cada aula e o do noturno, 15 minutos. Esse tempo extra, pela resolução, é uma complementação da carga horária e deveria ser dedicado a atividades ligadas à docência, como preenchimento do diário de classe - o que, de acordo com os sindicatos de professores, não ocorre na prática. A regra também considera que a duração da hora de trabalho é de 60 minutos, dos quais 50 são para ministrar aula.
Mudança. A nova proposta revoga essa resolução, inserindo essas 5,5 horas que, de acordo com a pasta, estavam num “limbo”, como tempo livre. Assim, uma jornada de 40 horas passa a ter 32 aulas - ou seja, 26,6 horas em classe.
Herman Voorwald, secretário da gestão Geraldo Alckmin (PSDB), afirma que a proposta atende à Lei do Piso e não prejudica os alunos, já que não diminui a duração das aulas. “Creio que a rede entenderá a proposta, mas os sindicatos talvez não entendam. Há confusão entre hora de trabalho e tempo de aula.”
Segundo Voorwald, com a mudança, o tempo extra que a resolução de 2006 determina será oficializado. “Existe um certo número de horas que não se contabilizam ao longo da jornada do docente fora da escola, e isso deve ser computado como atividade extraclasse.” Ele afirma que reduzir uma aula - tempo que será dado como livre - implica num custo anual de R$ 330 milhões e que a tendência é de que, para suprir essas aulas, os professores atuais ampliem a jornada.
Para o Centro do Professorado Paulista (CPP) e a Apeoesp, a proposta, que deve ser publicada hoje no Diário Oficial para valer antes da atribuição de aulas, que começa na segunda-feira, é “engenharia numérica”. “Eles estão criando uma jornada de 48 horas e não vão pagar 20% a mais”, afirma a presidente da Apeoesp, Maria Izabel Noronha.
Ela critica a oficialização das 5,5 horas ao tempo extraclasse. “Esse tempo surgiu quando incluíram mais uma aula na grade. Não serve para nada. O professor tem de se deslocar de uma sala para outra.” Segundo ela, a Apeoesp vai mostrar a proposta hoje à Justiça. “Nossa liminar está ganha e deve ser obedecida como está.” O sindicato pede 26 horas com alunos para uma jornada de 40 horas - proposta que o governo afirma ser inviável, pois não há docentes suficientes.

Artigos Imparcialistas: “Menos a Luiza, que está no Canadá” E outras bobag...

Artigos Imparcialistas: “Menos a Luiza, que está no Canadá” E outras bobag...: “Menos a Luiza, que está no Canadá” E outras bobagens Como “ai se eu te pego” É coisa da era da informação, Ou era da desinformação ...


“Menos a Luiza, que está no Canadá” E outras bobagens Como “ai se eu te pego” - dizem que são coisas para ser estudadas - minha bisavó já estudou e disse que isso é coisa de gente sem o que fazer...

Artigos Imparcialistas: Partidas

Artigos Imparcialistas: Partidas: Caminho e maturidade Estou outra vez de partida, Adeus juventude e suas ilusões, Adeus meu romantismo tolo, Adeus espetácu...

Aloizio Mercadante é o novo ministro da educação.

JOÃO DOMINGOS, RAFAEL MORAES MOURA, VERA ROSA / BRASÍLIA

A presidente Dilma Rousseff deu início ontem à reforma ministerial ao confirmar a saída do ministro Fernando Haddad (Educação), que disputará a Prefeitura de São Paulo.

Para o lugar de Haddad vai Aloizio Mercadante, que deixa o Ministério de Ciência e Tecnologia. O cientista Marco Antonio Raupp substituirá o petista. A posse a cerimônia de transmissão de cargos dos novos ministros serão realizadas no dia 24, terça-feira.

Na segunda-feira deverá ser feita uma homenagem a Haddad, em comemoração às 1 milhão de vagas abertas pelo programa Universidade para Todos (ProUni), que concede bolsas nas universidades particulares a alunos carentes. O governo petista tem o ProUni na conta dos programas iniciados em sua administração que mais tiveram êxito. Será uma forte bandeira de campanha para Haddad.

Ao passar o ministério para Mercadante na terça-feira, Haddad estará livre para circular por São Paulo na quarta-feira, quando é comemorado o aniversário da cidade.

O nome de Haddad para a disputa pela Prefeitura de São Paulo foi imposto ao PT pelo ex-presidente Lula. Pesquisas eleitorais realizadas até agora mostraram Haddad girando em torno de 3% a 4% nas intenções de votos.

Raupp
A escolha de Marco Antônio Raupp para a Ciência e Tecnologia foi bancada por Mercadante e pela presidente Dilma Rousseff. Uma ala do PT paulista lutava pelo deputado Newton Lima (PT-SP). Argumentava que ele não é só político, porque em sua vida, embora fosse filiado ao PT, sempre se dedicou à ciência. Tanto é que foi reitor da Universidade Federal de São Carlos.

Havia ainda, em favor de Newton, a justificativa de que, se ocupasse a Ciência e Tecnologia, abriria uma vaga para o ex-deputado José Genoino na Câmara. Mas Dilma Rousseff, segundo um auxiliar, não quis o ônus de abrir uma vaga para Genoino no ano em que o Supremo Tribunal Federal (STF) deverá julgar o escândalo do mensalão, ocorrido em 2005. Genoino é um dos réus e poderia parecer que a presidente está tentando proteger um nome importante do PT.

Em nota distribuída ontem pela Secretaria de Comunicação Social, a presidente Dilma "agradece o empenho e a dedicação do ministro Haddad à frente de ações que estão transformando a Educação brasileira e deseja a ele sucesso em seus projetos futuros".

"Da mesma forma, (a presidente) ressalta o trabalho de Mercadante e Raupp nas atuais funções, com a convicção de que terão o mesmo desempenho em suas novas missões".

Na minirreforma é tida como certa a troca do ministro Mário Negromonte (Cidades), de Iriny Lopes (Secretaria das Mulheres), e de Paulo Roberto Pinto (Trabalho). O nome mais forte para o Ministério das Cidades é o do presidente da Autoridade Pública Olímpica m(APO), Márcio Fortes, que já ocupou a pasta por cinco anos.

Fortes disse ontem ao Estado que não foi sondado para voltar ao ministério. "Eu estou muito bem na APO", afirmou. Questionado se gostaria de retornar a Brasília - já que a sede da APO é no Rio de Janeiro -, ele desconversou. "O Ministério das Cidades não é Brasília. Trabalha no Brasil inteiro", disse.

Dilma inicia hoje a série de reuniões setoriais, com grupos de ministros, com o objetivo de definir os projetos prioritários e onde serão cortadas despesas, como antecipou o Estado. O primeiro encontro, das 9 às 19 horas, será com os ministros da área social, que cuidam do programa "Brasil sem Miséria

jornada dos docentes, 33% sejam utilizados para atividades fora da sala de aula.

A Justiça deu prazo de 72 horas, a partir da começo da noite de ontem, para a Secretaria Estadual da Educação de São Paulo cumprir a liminar concedida ao Sindicato dos professores do Ensino Oficial do Estado (Apeoesp) que exige a aplicação, por parte do governo, da jornada da Lei do Piso. A liminar foi concedida em novembro e não cabe mais recurso do governo.

A Lei 11.738/2008 garante que, da jornada dos docentes, 33% sejam utilizados para atividades fora da sala de aula, como correção de provas, atendimento de alunos, preparação de aulas e cursos de formação profissional, entre outras. O índice mais atual do governo estadual, de novembro, é de 17%.

De acordo com Maria Izabel Noronha, presidente da Apeoesp, a entidade questiona o governo sobre o tema há mais de um ano. "A secretaria só começou a agir quando isso chegou à Justiça", diz.

Segundo ela, vai haver uma reunião entre os sindicatos e a secretaria para discutir o tema na tarde de hoje. Ela ainda afirma que a categoria pode entrar em greve no início do ano letivo, caso a decisão não seja cumprida.

Em nota, a secretaria afirma que a regulamentação da jornada de trabalho dos professores da rede será publicada até o fim da semana, antes do início do processo de atribuição de aulas para 2012, como já havia sido programado desde o ano passado.

CONFISSÃO NO BBB 12 : REALITY SHOW: SÍMBOLO DA SOC...

Artigos Imparcialistas: CONFISSÃO NO BBB 12 : REALITY SHOW: SÍMBOLO DA SOC...: Integridade A sociedade do prazer, Do entretenimento, do espetáculo e do sexo fácil Proporcionam-nos o Reality Show. Proporci...

POLICIA PODERÁ INVESTIGAR SUPOSTO ESTUPRO NO BBB 12

Promotoria diz que só investiga suposto estupro se a vítima, Monique Amin, fizer uma queixa formal REDAÇÃO

 
A polêmica do “Big Brother Brasil 12” continua

A polêmica  do “Big Brother Brasil 12” continua e vai parar  no Ministério Público do Rio de Janeiro. A promotoria informou que só poderá  investigar o suposto caso de estupro se a participante
Monique Amin fazer uma queixa formal.
O MP só poderá iniciar o processo se a vítima pedir a polícia que analise o caso e apenas após investigação de abertura de inquérito policial, o órgão poderia entrar no caso.
*Com informações da Folha.

Artigos Imparcialistas: Sociedade Ultramoderna

Artigos Imparcialistas: Sociedade Ultramoderna

Professor da categoria L terá de devolver salário...

Professor terá de devolver salário

Os 12 mil docentes da rede estadual que faziam parte da categoria L foram desligados em dezembro CAROL ROCHA
carol.rocha@diariosp.com.br
O governo de São Paulo desligou cerca de 12 mil professores temporários em dezembro. Os docentes faziam parte da chamada categoria L, extinta pela Lei 1.093 de 2009, que dispõe sobre a contratação de funcionários temporários pelo estado. A lei determina que todos os professores pertencentes à categoria L seriam dispensados ao final do ano letivo de 2011, o que ocorreu em 17 de dezembro passado. Os professores estão sendo convocados agora para assinar a dispensa, com data retroativa ao último dia letivo.
Além disso, eles terão de fazer a devolução do valor referente ao período entre a dispensa e o dia 31 de dezembro de 2011. Esse período varia em virtude das diferentes datas de encerramento do ano letivo de cada unidade de ensino.
Em nota, a SEE (Secretaria de Estado da Educação) informou que “os critérios para o estorno ainda serão definidos, conforme a situação de cada docente, uma vez que educadores que integravam a categoria L poderão firmar contrato com o estado para lecionar neste ano letivo”, disse, em nota. Os professores desligados não terão de cumprir a quarentena. Eles poderão participar da atribuição de aulas e iniciar o ano letivo em fevereiro, mas serão rebaixados à categoria O (temporários sem estabilidade).

Os professores da categoria O que atingiram 12 meses de aulas ininterruptas ficarão em quarentena, mas têm direito a receber 1/3 de férias.
Os 12 mil docentes dispensados também não terão direito a salário em janeiro e em fevereiro nem receberão as férias, normalmente pagas em janeiro. A SEE diz que as férias dessa categoria são pagas de forma retroativa e foram usufruídas em janeiro de 2011.

A presidente da Apeoesp (Sindicato da Educação Estadual de São Paulo), Maria Izabel Noronha,  disse que vai entrar na Justiça contra essas medidas. O sindicato tentou derrubar a lei aprovada em 2009, mas não conseguiu.
Além da Apeoesp, o CPP (Centro do Professorado Paulista) também orienta os professores a não assinarem a dispensa. “Assiná-la seria o mesmo que concordar com essa situação, o que limita as chances de possíveis medidas judiciais”, diz o presidente do CPP, José Maria Cancelliero.
Embora não informe dados, a Educação estadual de São Paulo sofre com a falta de professores. Em 2010, a pasta precisou contratar até os docentes que foram reprovados na prova anual dos temporários  porque a demanda não foi suprida somente com os concursados e com os aprovados. No último dia 4, foram nomeados 14.473 professores que passaram no último concurso. Os nove mil candidatos restantes devem ser convocados ainda neste semestre para o curso de formação de docentes.
A Educação estadual tem 222.974 docentes. Destes, 70.146 são professores temporários, sendo que 35.723 pertencem às categorias L, que foi extinta, e O (temporários sem estabilidade).


IAMSPE




O Iamspe

O Iamspe é uma entidade autárquica autônoma, sem fins lucrativos, com personalidade jurídica e patrimônio próprio. Atualmente, está vinculado à Secretaria de Gestão Pública do Estado de São Paulo. É finalidade do Instituto:
“Prestar assistência médica e hospitalar, de elevado padrão, aos seus Contribuintes e Benefiáciários”.
O Programa de Modernização do Iamspe, iniciado em 2008, ampliou a rede de  atendimento no interior e na capital, adquiriu novos equipamentos para as equipes  médicas essenciais do Hospital do Servidor Público, aumentou o quadro de servidores  e está capacitando e reciclando os funcionários do Instituto. O Iamspe possui uma  ampla rede de credenciados, que inclui consultórios, clínicas e hospitais, além da rede própria que é formada pelo Hospital do Servidor Público Estadual - HSPE e 18  Centros de Assistência Médico-Ambulatorial - Ceamas.
http://www.iamspe.sp.gov.br/

Veja a lista de classificados para a seleção de tutores de inglês a distância | Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Veja a lista de classificados para a seleção de tutores de inglês a distância Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Artigos Imparcialistas: Michel Teló exemplo da cultura globalizada, acultu...

Artigos Imparcialistas: Michel Teló exemplo da cultura globalizada, acultu...: Cultura de consumo e imediatismo. A globalização que a internet provoca Está destruindo o império americano de cultura global,...

Cidade de Marília: Fotos, videos, artigos, poesia, imagens...

REDE ESTADUAL DE SÃO PAULO TERÁ DOIS PROFESSORES EM SALA DE AULA.

A partir deste ano, as escolas estaduais de São Paulo vão contar com dois professores em sala de aula, tanto no ensino fundamental quanto no médio.
Eles serão chamados de professores auxiliares e terão de dar suporte aos titulares na assistência a alunos com dificuldades de aprendizagem. Não serão vagas para estagiários, mas para quem já é formado e leciona na rede como efetivo, estável ou a candidato à contratação temporária.

A ideia, que faz parte de um novo sistema de recuperação pedagógica da Secretaria Estadual de Educação, é que os alunos que estejam com dificuldades sejam recuperados no momento em que os problemas de aprendizado apareçam, sem esperar o fim do ano e do ciclo escolar.

A ação recebeu o nome de recuperação contínua. Além dela, haverá outra modalidade: a recuperação intensiva. O professor auxiliar poderá atuar em classes do ciclo 1 do ensino fundamental com mais de 25 alunos. Em cada turma, esse professor poderá auxiliar em até dez aulas por semana.

Já no ciclo 2, apenas as turmas com mais 30 estudantes terão esse docente. No ensino médio, o auxílio será para as salas com mais de 40 alunos.

Em ambos os casos, o professor auxiliar atuará em até três horas-aula por semana, distribuídas em até três disciplinas. O número de professores auxiliares será definido após a atribuição de aulas e início do ano letivo.

Escolha
As escolas terão autonomia para aderir ao projeto e para definir como lidarão com a proposta e em quais disciplinas esse professor atuará. Na prática, o professor auxiliar poderá ajudar em todas as atividades, desde o planejamento escolar até dar aula em conjunto com o docente titular.

De acordo com a secretaria, é a primeira vez que dois professores habilitados são colocados em sala de aula.
Hoje, o projeto Bolsa Alfabetização, vinculado ao programa Ler e Escrever e do qual muitas escolas participam, oferece universitários que cursam Letras ou Pedagogia, chamados de "alunos-pesquisadores", para atuar junto com o docente titular nos primeiros anos do fundamental.

"Independentemente desse aluno bolsista, vamos colocar outro docente, já formado, para trabalhar em parceria com o docente titular", afirma o secretário adjunto João Cardoso Palma Filho.

Ele admite que pode faltar professores para algumas disciplinas, especialmente no ensino médio, onde já existe dificuldade para encontrar docentes de física e química, por exemplo.

"Nesse caso, se não houver professor, a recuperação não acontece", diz Palma. "Mas isso pode ser minimizado se esses professores completarem suas jornadas atuando como auxiliares."

A secretaria ainda vai implementar avaliações semestrais para alunos dos 6.º e 7.º anos do fundamental e 1.º e 2.º do médio. A ação, denominada Avaliação da Aprendizagem em Processo, visa a diagnosticar a situação dos alunos e promover a melhoria do aprendizado durante o mesmo semestre.

A resolução que regulamenta o novo modelo de recuperação e de avaliação deve ser publicada hoje no Diário Oficial do Estado.

Alunos com dificuldades terão turmas especiais
Além da recuperação contínua, a secretaria vai instituir a recuperação intensiva. A proposta é formar classes especiais de até 20 alunos que reprovaram ou que apresentaram dificuldades no ano anterior. O modelo vai funcionar em quatro momentos do ensino fundamental. As classes serão organizadas a partir da indicação dos docentes.
A primeira etapa dessa recuperação é no 4.º ano. A turma será formada por alunos que mostraram defasagem de conteúdo nos anos anteriores.

A segunda é no 5.º ano, nos moldes da anterior, mas com a diferença de que os alunos que reprovaram também serão atendidos - hoje, com o sistema de progressão continuada da rede estadual, os estudantes só podem repetir o 5.º e o 9.º ano.

O terceiro momento da recuperação será no 7.º ano, para quem teve dificuldades durante o 6.º. Por fim, a quarta etapa se dará no 9.º ano, para aqueles que precisarem estudar mais um ano do fundamental antes de irem para o médio.

Este ano poderá ser cursado em sala regular quando os alunos tiverem resultados ruins em mais de três disciplinas - a decisão é da Escola. Com isso, o governo acaba com o atual sistema de recuperação paralela, no contraturno, para quem repetiu o 5.º e o 9.º ano.

O projeto preocupa a educadora da USP Silvia Colello. "Dividir os alunos em bons e ruins prejudica a autoestima e incorpora a ideia do fracasso." / M.M

Show do aniversário da cidade de São Paulo 2012


Confira os shows que vão animar o 458º Aniversário de São Paulo
A cidade de São Paulo completa 458 anos no próximo dia 25 de janeiro. Para comemorar a data, a Secretaria de Participação e Parceria (SMPP) realizará um dia repleto de shows e diferentes atrações musicais. A festa do Vale da Participação e Parceria já está na sua 5ª edição e promete agradar um grande público no dia do aniversário das 9h às 21h.

Estima-se que 40 mil pessoas venham prestigiar São Paulo neste dia. Haverá um palco principal concentrado no Vale do Anhangabaú para receber artistas e bandas de diferentes estilos e gostos musicais que é para ninguém ficar parado.

Entre as principais atrações confirmadas para a festa, estão: Gustavo Lima, Samba de Rainha, Pixote, Katinguelê, Sampa Crew, Jammil e Uma Noites, João Bosco e Vinícius, Eduardo Costa, Orquesta Sinfônica do Maestro Carlos Martins e a bateria da escola de samba Vai Vai.

Além de todas essas atrações será montada, próximo ao palco principal, uma tenda que representará as coordenadorias que compõem a SMPP. O objetivo é fazer uma pequena demonstração das ações e projetos já realizados por cada uma delas.

Para representar a Coordenadoria do Idoso haverá, a partir das 9h, o tradicional "Baile do Idoso”, que promete animar o público da terceira idade com músicas que foram trilha sonora dos anos 50 e 60, músicas que marcaram gerações.

A programação vai reunir nomes do Samba, Axé, Sertanejo Universitário, Pop Rock, Pagode e Djs com o objetivo de entreter os paulistanos e comemorar mais um ano da cidade da garoa, a mais populosa do Brasil.

Serviço

5º Vale da Participação e Parceria - Aniversário de São Paulo

Data: 25 de janeiro
Local: Vale do Anhangabaú

Confira a programação principal

9h - Projeto Autódromo (Percussão)
9h45 - Samba de Rainha
10h30 - Banda Black Bee
11h15 - La Furia
12h30 - Orquestra Sinfônica Maestro João C. Martins & Vai Vai
14h - Hora H
14h20 - Reunião de Amigos
15h - Gustavo Lima
16h30 - Sampa Crew
17h - Katinguelê
17h30 - Pixote
18h - Jammil e Uma Noites
18h30 - Indenso
19h10 - Eduardo Costa
20h - João Bosco & Vinicius

21h - Encerramento
Fonte: Prefeitura de SP



Aniversário de SP terá show de Ney Matogrosso na Praça da República

No dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, o cantor Ney Matogrosso fará um show gratuito na Praça da República apresentando as canções de seu último trabalho, ''Beijo Bandido''.



A Secretaria Municipal de Cultura celebra o aniversário de 458 anos da cidade de São Paulo com show gratuito do cantor Ney Matogrosso. O artista apresenta seu último trabalho, Beijo Bandido, na Praça da República, no dia 25 de janeiro de 2012, às 20h.

Com direção musical e arranjos de Leandro Braga, o show mergulha em uma atmosfera intimista, um contraponto à sonoridade roqueira do projeto anterior do cantor. O título, Beijo Bandido, foi inspirado na letra da música “Invento”, de Victor Ramil, que faz parte do repertório.

A seleção criteriosa das músicas, que integram o CD homônimo lançado em 2009, contemplou a excelência vocal de Ney, com tangos e canções populares brasileiras, algumas nunca gravadas por ele, como Medo de Amar, de Vinícius de Moraes e Bicho de sete cabeças, de Geraldo Azevedo,Zé Ramalho e Renato Rocha.

No espetáculo, sai de cena o figurino extravagante que caracterizou o ex-vocalista da banda Secos e Molhados para dar lugar a um terno de cor clara, assinado pelo estilista Ocimar Versolato. A produção assume um caráter acústico e a banda que o acompanha reúne artistas como Leandro Braga (piano), Lui Coimbra (cello e violão), Alexandre Casado (violino e bandolim) e Felipe Roseno (percussão).

Com personalidade forte e voz única, Ney Matogrosso dá a sua leitura a canções como Tango para Teresa, sucesso na interpretação de Ângela Maria; De cigarro em cigarro e Segredo, ambas gravadas em trabalhos anteriores.

O cantor, nascido na pequena cidade de Bela Vista, no Mato Grosso do Sul, ainda canta clássicos como A Bela e a Fera, de Chico Buarque e Edu Lobo e Nada por mim, balada de Herbert Vianna e Paula Toller.

Cor do desejo é a única canção inédita do projeto e foi entregue pessoalmente a Ney por um dos compositores, Junior Almeida, durante a turnê de “Inclassificáveis” em Maceió.

Entre as 19 músicas previstas para o tradicional show do aniversário da Cidade de São Paulo, estão As Ilhas, Doce de Coco, e À distância, sucesso de Roberto Carlos e Erasmo Carlos.

Serviço

Ney Matogrosso na Praça da República
Data: 25 de janeiro
Horário: 20h
fonte:
http://www.prefeitura.sp.gov.br/portal/a_cidade/noticias/index.php?p=48207

ACRÓSTICO: VERSOS IMPARCIALISTAS - Sílvia Araújo

4008-VERSOS IMPARCIALISTAS-Acróstico
-
Acróstico-informativo nº 4008
Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil
-
V-Verificando o conceito de imparcialidade
E-Exposto por José Nunez, penso em um par,
R-Referência do terceiro:na opção da liberdade
S-Seleciona pensamentos, sensações, sentimentos,
O-Observando os acontecimentos reais da vida,
S-Sinalizando a Era da Informação, na Verdade.
 -
I-Imparcilaismo é, na própria leitura vital-ideal,
M-Movimento literário que nasceu do par e ímpar!
P-Pares formados usando os números ímpares
A-Atenderão ao terceiro observador imparcial...
R-Reavaliando o importante papel do POETA,
C-Característico, por escrever avaliando e ter
I-Ironia de olhar o mundo todo que o rodeia,
A-Alcançando a REDE que forma uma TEIA
L-Literária-sociocultural-moderna, de poder
I-Imensurável, sem precisar de identificação:
S-Sua função é observar as causas e efeitos!
T-Tempo de sincertismo, multiculturalismo,
A-Administração desorientada do globalismo...
S-Ser imparcial é ter um privilégio realista.
-
Belo Horizonte, 23 de outubro de 2011.
-
http://www.recantodasletras.com.br/acrosticos/3294912
---***---
Silvia Araujo Motta
Enviado por Silvia Araujo Motta em 24/10/2011
Reeditado em 24/10/2011
Código do texto: T3294912
 
Silvia Araujo Motta foi a primeira poeta e escritora a compreender profundamente o Imparcialismo,
foi depois de sua análise que lancei oficialmente o Imparcialismo, agradeço imensamente a companheira nas letras pela sua contruição. 

Pagamento de férias e aviso prévio aos professores demitidos sem justa causa.

Todos Pela EducaçãoA Câmara analisa o Projeto de Lei 2526/11, do deputado Romero Rodrigues (PSDB-PB), que garante o pagamento de férias e aviso prévio aos professores demitidos sem justa causa. A medida vale para as dispensas realizadas no fim do ano letivo ou no período de férias escolares.
Esse direito já está previsto na Consolidação das Leis do Trabalho (Decreto-Lei 5.452/43), mas o deputado considerou importante torná-lo mais explícito porque, segundo ele, muitas escolas tentam burlar a norma, substituindo a compensação do valor das férias com aqueles devidos como aviso prévio.
De acordo com Rodrigues, a proposta busca “eliminar qualquer possibilidade de interpretação de que o aviso prévio e o pagamento de férias ao professor sejam compensáveis entre si”.
Para ele, a medida vai aumentar a segurança jurídica das partes e ajudar a aliviar o congestionamento de processos na Justiça do Trabalho.
Tramitação 
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

FONTE:http://todospelaeducacao.org.br/comunicacao-e-midia/educacao-na-midia/20950/projeto-garante-beneficio-trabalhista-a-professor-demitido-nas-ferias/

Divulgue acessando:
http://literaturaimparcialista.blogspot.com

Aumento do salário dos professores em 2012: O governo deve confirmar um reajuste de 22% no piso nacional dos professores.

Todos Pela EducaçãoBRASÍLIA

O governo deve confirmar um reajuste de 22% no piso nacional dos professores. O índice representa a variação no valor mínimo de investimento por aluno do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) entre 2011 e 2012 e levaria o salário-base dos atuais R$ 1.187 para R$ 1.450 mensais.

Apesar da pressão de prefeitos e governadores, que alegam não poder arcar com o aumento acima da inflação do salário mínimo e dos professores, a tendência do governo é manter a lei como está. Qualquer valor inferior aos 22% abriria espaço para contestação judicial ou teria de ser apresentado junto com uma mudança na legislação.

A lei que criou o piso diz claramente que o reajuste será feito todo mês de janeiro, no mesmo porcentual da atualização do valor do Fundeb, e também terá de ser o menor valor básico para os professores por 40 horas-aula semanais.

Governadores e prefeitos pressionavam o governo federal para dar aos professores apenas a variação da inflação, que fechou em 6,5%. Em 2011, o reajuste foi de 16% e já incomodou Estados e municípios.

Hoje, 16 Estados não cumprem o piso atual, de R$ 1.187. Outros cinco pagam menos que os R$ 1.450 que devem entrar em vigor em fevereiro e terão de fazer mais algum investimento.

Audiência
Ainda não houve uma conversa definitiva sobre o assunto entre a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Educação, Fernando Haddad. Na tarde de anteontem, Haddad teve uma audiência de três horas com a presidente e o secretário executivo do ministério, José Henrique Paim.

A decisão final ainda não foi tomada, até porque o ministro espera os dados consolidados do Tesouro Nacional para fechar o valor final do reajuste do Fundeb. É improvável, no entanto, que esse seja menor que os 22% calculados até aqui.
Ontem, em entrevista, Haddad não confirmou o valor, mas reforçou que a lei não precisa de interpretações.

"É autoaplicável", disse. O novo valor, afirmou, deve ser promulgado em fevereiro ou março, mas valerá a partir deste mês.

Sobre a alegação de Estados e municípios de que a soma dos reajustes do piso e do salário mínimo tornam impossível aos governos locais cumprir a Lei da Responsabilidade Fiscal, Haddad diz que é algo que não pode debater porque não conhece nenhum estudo nesse sentido.

"A bem da verdade, a Lei do Piso foi encaminhada em 2007, aprovada em 2008 e eu nunca recebi uma solicitação de audiência da Confederação Nacional dos Municípios. Eu acabo sabendo dos argumentos pelos jornais", disse o ministro.

fonte:

NOTÍCIAS ESPORTIVAS: BATENDO BOLA


Batendo Bola é o seu Canal Esportivo. Notícias Atualizadas sobre o mundo do esporte. Confira tudo em nossas Redes Sociais.
Conteúdo Batendo Bola por Sthéphanie Thomazini

http://www.a1marketing.com.br/batendobola/

Artigos Imparcialistas: CLASSE C

Artigos Imparcialistas: CLASSE C: Classe C Classe C , o nome já diz tudo Classe Cartão de Crédito. Essa é a classe com dívidas até 2021, Essa é a classe que todo mundo que...

ATRIBUIÇÃO DE AULA 2012 - ESCOLAS DE MARÍLIA


Diretoria de Ensino Região de Marília

CRONOGRAMA DE ATRIBUIÇÃO DE AULAS

Veja dias e horários de atribuição na página:

http://demarilia.edunet.sp.gov.br/downloads/CRONOGRAMA%20DE%20ATRIBUIÇÃO%20DE%20AULAS%202012.pdf

Atribuição de aulas 2012

Confira o calendário da atribuição de aulas de 2012:

Professores efetivos devem atribuir aulas nos dias 23 e 24 de janeiro | Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Professores efetivos devem atribuir aulas nos dias 23 e 24 de janeiro Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Abertas as inscrições para professores interessados em bolsas para mestrado e doutorado | Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Abertas as inscrições para professores interessados em bolsas para mestrado e doutorado Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Professor temporário: atribuição de aulas, a partir de 26 de janeiro | Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Professor temporário: saiba como participar da atribuição de aulas, a partir de 26 de janeiro Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

MANCHETE EDUCAÇÃO E PROFESSORES

07/01/2012 - Folha de S.Paulo (SP)
Declaração de Mercadante irrita governo 
Ministro da Ciência e Tecnologia falou sobre sua provável ida para a Educação, tema ainda tratado reservadamente 

Todos Pela Educação
07/01/2012 - O Estado de S. Paulo (SP)
Inep admite erro em redações 
Em recurso, Procuradoria Federal do instituto afirma que houve falha na correção da prova de alguns alunos 

Todos Pela Educação
07/01/2012 - O Estado de S. Paulo (SP)
Inep deve dar a aluno cópia da prova do Enem 
Órgão tentou evitar mostrar redação para aluno que teve nota alterada, mas juiz decidiu não apreciar o recurso 

Todos Pela Educação
09/01/2012 - Valor Econômico (SP)
Matrícula em cursos técnicos sobe para 18% do total no Ensino Médio 
A procura pela Educação profissional cresceu mais de 50% no Brasil nos últimos cinco anos
Todos Pela Educação
09/01/2012 - Diário do Nordeste (CE)
Projeto leva música às escolas públicas 
A oficina tem o objetivo de formar bons cidadãos, além de ensinar música
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Agência Brasil
Pais devem ficar atentos a itens abusivos em listas de materiais escolares, orienta Procon 
No mês de janeiro, um dos maiores desafios para pais de alunos de escolas públicas e particulares é a compra dos materiais escolares
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Folha de S.Paulo (SP)
Análise: Critérios de correção da redação são subjetivos 
''Embora pareçam claras, muito da subjetividade da correção decorre da má definição da finalidade da prova'', afirma Carlos Eduardo Bindi
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Folha de S.Paulo (SP)
Minha história: Aprovado! 
Quando soube que sua nota tinha aumentado, o estudante pensou: ''Yes! Poderei lutar por uma vaga na UFRJ''. Mas ele ainda não teve acesso à prova, como mandou a Justiça 
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Gazeta do Povo (PR)
Indicadores sociais na contramão do crescimento econômico 
Embora ocupe o posto de sexta maior economia do mundo, Brasil apresenta índices de Educação, saúde e inovação muito aquém dos países ricos da OCDE 
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Estado de Minas (MG)
Mês de aulas e reclamações 
Estudantes da rede estadual reclamam da forma como é feita reposição; no Instituto de Educação, fusão de turmas, divisão de disciplinas e frequência de professores são as principais queixas 
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Estado de Minas (MG)
Educação é o caminho 
Especialistas e executivos de grandes empresas são unânimes em defender que o desenvolvimento sustentável deve passar não só pela sala de aula, mas envolver todos os segmentos da sociedade 
Todos Pela Educação
08/01/2012 - A Gazeta (ES)
Brasil: Um país cada vez mais educado
Segundo o Censo da Educação de 2010, mais de 51 milhões de pessoas estão, atualmente, cursando a Educação Básica
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Gazeta de Alagoas (AL)
Alunos continuam em sala de aula 
Unidades de ensino estaduais e municipais correm para repor o calendário escolar
Todos Pela Educação
08/01/2012 - Jornal da Paraíba (PB)
Mudanças afetam mais de 100 escolas na Paraíba 
O reordenamento da Rede Estadual de Ensino da Paraíba está causando preocupação e descontentamento em muitos professores, pais e alunos

Blogs

Postagens mais visitadas

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS