Buscar

Amor personalizado, patronizado e cristão

Amor Cristão


http://literaturaimparcialista.blogspot.com/2010/09/amor-cristao.html

Personifique o amor

Sintetize a paixão,

Canalize o desejo,

Em um único corpo,

Em uma única alma.

O cristianismo é equilíbrio Budista

Apesar de o cristão não saber disso...

Só é possível ser cristão

Se personificar o amor

Sintetizar a paixão

Canalizarmos o desejo

No corpo de alguém do sexo oposto

E tornar-lo um patrão

De todos os outros corpos de sexo oposto,

O bom cristão tem que olhar com todo o seu potencial

De amar carnalmente e espiritualmente

Um único corpo que em si mesmo

É a síntese de todos os outros corpos

Que seus olhos vierem a cobiçar...

Murilo Santiago

J.Nunez
http://literaturaimparcialista.blogspot.com/2010/09/amor-cristao.html

Sexo sem compromisso sentimental, sexo fácil....

 A geração ficar é a geração sexo fácil, sem compromisso sentimental, sem maturidade física, biológica e psicologica, sem responsabilidade com a própria moral e a própria dignidade, sem independência  socioal e ecônimica, sem maturidade no comportamento social etc.
São quase sempre filhos da mamãe e fazem sexo na casa dos pais da namorada...e esses pais aceitam porque não querem ver sua filhinha transando dentro de um carro em qualquer lugar, correndo todos o tipos de riscos. Esses muleques que transam na casa da namorada dificilmente
encontrará emoção o suficiente para casar com a filhinha do pai liberal. Qualquer homem com o instinto primitiva de homem sabe disso!  Não casará porque o homem precisa de conquistas de desafios e os filhinhos da mamão já possuem tudo o que um homem deseja, sexo!
Os pais estão sem saída não é mesmo! As mulheres devem evoluir e esquecer essa mania de imitar homens, as mulheres deveriam aprender com a presidenciável  Marina Silva, que é mulher
de sucesso com toda a dignidade, decencia e moral  de ser mulher. As mulheres deveriam ter preservado a sua dignidade de mulher, assim teriam evoluidos com muito mais decencia e não teriam desmotivado os homens com seu sexo fácil, fácil, e esse sexo fácil é degeneração própria da mulher e pior ainda, imitação da liberdade luxuriosa dos homens.

Fetiches de um amor clássico

Faça de conta que não percebe o meu desejo,

Use saia que encubra os joelhos

E blusa que me encha de imaginação libidinosa,

Não me dê o seu sorriso,

Me negue sua palavra e seu olhar,

Que seja uma honra te ver passando,

Que seja sonho sonhar contigo,

Fique em perigo para eu te proteger,

Depois elogie meu feito de cavalheiro e homem viril.

Deixe eu roubar flores e enfeitar os seus cabelos.

Se eu pedir um beijo de recompensa

Fique tímida, abaixe a cabeça

Feito menina recatada e apenas prometa.

Faça de mim apenas um entre um milhão de pretendentes,

Deixe eu ser conquistador de um beijo seu,

Deixe eu construir o nosso ninho, sou homem sério,

Um sonho de marido para seus pais.

Deixe eu comprar os seus vestidos rendados e floridos,

Deixe eu ornamentar a casa com rosas,

Depois diga ainda que precisa pensar um pouco.

Se aceitar namorar comigo, depois de tanto insistir,

Me dê apenas um sorriso e um beijo no rosto,

Para que eu lute até a morte

Para conquistar um pouco mais de você.

Agora o que é natural que você faça

É vestir sua minissaia e sua blusa que não encobre nada,

Calçar seu sapato vermelho de salto fino

Entrar em seu carro e ir para casa ou para onde bem entender.

E quando a mim, me deixe aqui,

Quero ser usado por outro ainda essa noite.

Quando me encontrar pode fingir que não me vê,

Que nunca houve nada para lembrar,

Vai ver que realmente nunca houve...

Certamente isso ainda é o seu fetiche depois da cama.

Abílio Santana

J.Nunez

Risso Express Transportes De Cargas

Av Joquei Clube 1004,
 Marilia 17521-450, SP
Telefone:  1436411599  



Transportadora Prata Express


http://www.prataexpress.com.br/


Transportadora Castellon


Av. Castro Alves, 489
CEP 17506-000 - Marília - SP
Tel: (14) 3413-2053


Transportadora Floresta Tapati Ltda

Rua Espanha, 140
 Jd. Vista Alegre
Marilia - SP
Telefone (14) 34172589



Varal de Poesia Imparcialista


Manual para fazer filhos

http://matizesdoamor.blogspot.com/
Mendel fazia o coito das flores,

A ciência manipula o genoma

E faz filhos sem penetração libidinosa,

Uma espécie de concepção sem pecados original.

Podemos configurar um filho ao nosso gosto:

Pegando os genes dos seus olhos azuis,

Os cabelos loiros de minha avó,

O dinamismo de um parente meu,

As sobrancelhas de uma tia,

Os pés delicados de minha bisavó,

As pernas longas é finas da tia Clotilde,

Podemos assim romper com a igreja Católica,

Romper com a lei do Karma coletivo,

Esquecer minha impotência sexual,

Quebrar com o ciclo doenças hereditárias

E o que passar despercebido, podemos

Consertar com a terapia genética

Que toca no gene especifico.

Para fazer um filho precisamos do nosso mapa genético,

Para assim configurá-lo ao nosso gosto.

Confesso que tenho medo, ainda não somos muito bons

Nesta brincadeira de sermos Deus,

Tenho medo de errar na dose e fazer o Chupa-Cabra,

Ou qualquer coisa assim incompreensível.

Salomão Alcantra

J. Nunez


http://matizesdoamor.blogspot.com/

Artigos, animação, Buffet, brinquedos e doces para festa Criança


Algodão Doces no Pote e Sorvete Americano para festas de crianças e eventos  

SORVETE AMERICANO EM MARÍLIA



pote de 700 ml 

pote 250 ml

Algodão Doce potes personalizados para festa de aniversário, festas de aniversário, enfeites para mesas, revenda e encomendas...


Vendas (14) 34153312
Sueli e Nunes 

Temos também:


Buffet Tchibuum

Rua dos Bancários, 165 -
Maria Izabel - Marília/SP - Fone: (14) 3221-3171
http://www.tchibuum.com.br/

Castelo dos Doces


R. Amelie Boudet, 55
 Prq São Jorge
Marília/SP
CEP: 17520-250
Tel: (14) 3417-4141



 


Palhaço Pimpolho
 Animação de Festas e eventos infantins
  •  Escultura com balões
  •  Pinturas faciais                                                         
  •  Bricadeiras
(14) 8154 -3588

Palhaço Pimpolho

LOCAÇÃO DE BRINQUEDOS

  • Cama elástica
  • Piscina de bolinhas
  • balão Pula- pula
  • tobogan

(14) 8154 - 3588

Allegro Kids - Buffet

Av. Brigadeiro Eduardo Gomes, 1765,
CEP 17514-000 - Marília - SP
Fones:
(14) 3454-1707 Escritório
(14)3433-8577 Buffet kids


http://www.allegroeventos.com.br


Brink e Fest

  • Decoração Infantil
  • 15 anos e casamento
  • aluguel de toalhas para mesa
  • Fantasias
  • Material escolar
  • Temos curso de bordado

Fone: 3417-8603

Av. João Ramalho, 2626 - Marília - SP


Legrarte - Aluguel de Brinquedos

Tobogã
Tombo Legal 
Algodão Doce 
Cama Elástica
Pintura Facial
Piscina de Bolinha 
Escultura com Balões

Contato:



 Cláudia 3221-2153/9690-4901



Varal de Poesias: Cidade de Marília


Pensei que estavas sozinha
Para Nagdila Thally Malfoy

Entre lírios e rosas!
Em meio a sussurros, gritos, gemidos & prantos! 
Espasmos de prazer. 
Juras de amor!
Eu pensava que estavas sozinha! 
No meu desespero...procurava-te!
Nos meus sonhos...andavas só!
Vagando pelo infinito! ***
Embriaga-me...oh...minha divina musa!
Com o teu eflúvio sutil.
Em meus pensamentos...andavas sozinha!
Insegura!
E desprotegida.
No infinito...
E na solidão do meu ser!
Procurava-te...  
Eu pensava...que estavas sozinha.
Em meus pensamentos!
Tomo-te pelos braços!
Digo que és minha! Mas não o és!
Perco-me no teu olhar...
No teu sorriso quero me perder.
No meu devaneio...desapareço em teus cabelos! 
Em meio a sussurros, gritos, gemidos & prantos! 
Espasmos de prazer.
E juras de amor!
Não estás mais sozinha!

Samuel Costa é poeta em Itajaí    

Agnela...em anunciação... 

Escolho o pecado! Encolho-me
Fujo!
Traio!
Minto para mim mesma!
Já não sei quem sou...
Estou viva?
Pelo menos...
Penso que existo...
Em uma outra dimensão... Tento fugir
De mim mesma...
Escolho o pecado
Afronto!
Magôo quem me ama
Escondo-me
Na agônia de ser
Eu mesma...
Minto
Para mim mesma!
Escondo-me na bruma
No outono da minha vida
No outono decandetista...
Ouço o madrigal
Escuto o Idílio
Choro de saudades
Lembro...
De quem já se foi...
Escondo-me no meu passado
Finjo estar em outro lugar...
Finjo que me importo
Com alguém
Que diz amar-me  
Prendo-me
Em um mundo só meu
Esqueço
Minto para mim mesma

Samuel Costa  poeta em Itajaí




Raça simplesmente não existe....
Raça simplesmente não existe,
O que existe é a repetição de característica
Que vão configurando os indivíduos;
Filhos de pais com características semelhantes.
As características físicas repetidas configuram um indivíduo
E os estereótipos os delimitam com preconceitos....
Mesmo que eu não tenha o sangue de negro,
Eu sou mulato ou negro em qualquer lugar do mundo;
Então eu sou mulato, essa é a cor da minha pele.
Embora eu prefira o orgulho de vencer
Sem precisar de um dia que celebre a consciência negra,
Um dia que represente um auto – afirmação,
Esse dia faz com o negro se sempre que ele não é semelhante
Aos que não precisam desse dia para lutar por igualdade...
A auto – afirmação pode ser entendida com uma forma
De racismo e inferioridade por necessitar de auto – afirmação.
Embora eu prefira o orgulho de vencer em silêncio e sorrateiramente,
Embora eu prefira o orgulho de não precisar
Do dia 20 de novembro
Embora eu prefira ir comendo pelas beiradas,
Embora eu prefira disfarçar a escalada,
Embora eu finja displicência e pouca importância,
Embora eu me faça finja contentamentos e gratidões
Enquanto estou pegando tudo que é meu por direito,
Embora isso tudo;
Sei que esse dia 20 de novembro
É uma maneira de unificar a luta pela igualdade social.
 J.Nunez





Morreria


Se dependesse de mim
Escolher como partir...
Partiria ou morreria de susto!
Sem rasuras ou infecção,
Morreria de paixão!
Escolheria cores azuis como hortênsias no frio.
Poderia até ser de medo!
Mas só se fosse o medo de não amar,
Coisa que suponho impossível!
Se dependesse de mim,
eu partiria sem nenhuma frustação,
Nem rancor ou ressentimento
Morreria de rir de mim e de tudo.
Até das minhas histórias e de minhas poesias inúteis!
Morreria com absoluta certeza
De que morrer, traz momentos evasivos e indizíveis...
Morreria de alegria,
Se transpusesse o momento indevassável
De abraçar voce.
Ver voce.
Morreria de rir de tanto dançar abraçada ao meu travesseiro.
Se dependesse de mim
Morreria sem ir, mas vendo a paz!

Mantra

Eu amei,
Amei, amei, amei, amei, amei, amei, amei, amei, amei....
até que o amor se tornou um mantra em minha boca,
Silencio em minha mente e em meu coração,
E meu corpo se fundiu com minha alma
Que alcançou o nirvana...
E rompeu a franteira
Entre ser e existir plenamente....
Dentro e fora de si....
Eu pronunciei a palavra amei
Até desconfigurar seu sentido...
E encontrar a meditação...
E tocar o impalpavel...
E ser abstrato e sólido dentro do que não existe,
O tempo...

Saulo Menezes Castro
J.Nunez

http://muronline.blogspot.com/

A caçadora da noite


A caçadora da noite,
Me estreitou por entre os pilares,
E as sombras das paredes onde os viciados se esquecem,
Me espreitou, logo percebeu que sou presa fácil,
Não desperdiçou energia nem palavras,
Apenas ofereceu o ópio de sua boca
E a morfina do seu olhar
Ela é tudo que faz sonhar...

Adormeci enquanto seus dentes incisivos rasgavam,
Seus dentes caninos dilaceravam,
Seus dentes molares moíam meu corpo,
Ela me mascou feito coisa que se masca até perder o gosto,
Depois me cuspir como se eu deixasse
Um gosto amargo na sua boca.

Quando despertei de meu entorpecimento
Ela já havia deixado esse lugar que desconheço,
Colocado meu corpo num cantinho do quarto
Como se fosse coisa esquecida por alguém 
E levado meu coração e oferecido ao diabo...
E assim eu conheci os infernos e a morte,
Ali está meu coração no altar dos sacrifícios.

Abdias de Carvalho
J.Nunez
 

É amor de amar, amar e pronto...

Meu amor é um segredo,
Esse amor não permite fotos nas paredes,
Declarações apaixonadas,
Namoros em cantos escuros,
Beijos de tirar o fôlego,
Presentes em dias especiais,
Datas comemoradas a dois.
Esse amor, como todos,  possui uma música
Que escuto em segredo com o meu coração.
Esse amor não é amor de esperar em cais de porto,
Esse amor é amor de sofrer calado,
Esse é amor de não esperar nada,
Esse é amor que não pede explicação,
Esse é daquele amor que nasceu no lugar errado,
E sabe que deve apenas padecer de amor.
Esse é amor de lágrimas no escuro,
Esse é amor de eterno abandono,
Esse é daquele amor com a elegância de amar
 E sofrer em silêncio por amor,
Esse é daquele amor que esquece
A alma em algum outro coração,
É amor de amar, amar e pronto...
José Nunes Pereira
J.Nunez

Meu Imortal

Estou aqui tão cansada de estar aqui,
Reprimida por todos os medos infantis,
E se você tiver que ir, eu desejo que vá logo.
Sua presença permanece
Aqui e isso não vai me deixar em paz.           
Essas feridas parecem não cicatrizar, essa dor é tão real          
Existem muitas coisas que o tempo não pode apagar
Quando você  chorou,
Eu enxuguei as suas lágrimas.
Quando você gritou,
Eu lutei contra todos os seus medos
E segurei sua mão por todos  esses anos,
E ainda você tem tudo de mim.     
Você costumava me cativar com sua luz ressoante,
Agora sou limitada pela vida
Que você deixou para trás.                                 
Seu rosto assombra todos os meus sonhos
Que já foram agradáveis.              
Sua voz expulsou toda sanidade que havia em mim.
Eu tentei com todas as forças dizer a mim  mesma
Que você se foi; Embora você esteja comigo,
Eu tenho estado sozinha por todo esse tempo.
Carla
Aluna da Escola Maria Izabel


http://literaturaimparcialista.blogspot.com/

O Homem guardado no sotão (poema)



É necessário ser útil,
tudo tem uma razão para existir,
é necessário dar alguma coisa,
seja a beleza, seja a inteligência,
seja sátira ou simpatia,
a sociedade não perdoa
quem não tem nada para oferecer
e deixa estes infelizes à margem.         
Eu estou guardado no sótão,
entre as coisas inúteis
e as coisas guardadas por prudência.
Estou ali empoeirado, largado em um canto,
até que eu descubra a que sirvo,
a que estou destinado.
o ideal é inatingivel porque é ideal e idéia das coisas.
Não há teoria política ideal,
o que há são teorias com com poucas brechas
que impedem os malabarismos
e as artimanhas políticas de auto favorecimento.                                                        
                                                        
06/05/06


Salomão Alcantra
J.Nunez

Quando é amor a gente sabe pelo primeiro olhar,
Quando é amor nosso primeiro olhar
É feito de simpatia e de um desejo sutil
Escondido por de trás desse olhar.
Quando é amor a gente sabe pelo olhar
Que sintetiza a si e a nós mesmos
Em um corpo de homem ou de mulher.
Quando é amor,
Não dá para se enganar quando é amor.
Quando é amor pensamos tanto um no outro
Que nossos pensamentos chegam a si tocar...
A química do amor nasce dos olhares que se cruzam e se correspondem
A fórmula do amor é feita de desejo sutil e simpatia no olhar.
Quando estiver bem envolvidos um no outro
O amor revela o quando somos diferentes um do outro,
E ai está à lei dos opostos que se atraem.
Se fossemos iguais não daria amor, daria amizade....
Quando é amizade a gente sabe pelo primeiro olhar,
Quando é amizade o primeiro olhar tem uma sensação de aconchego,
Quando é amizade queremos estar sempre justos
Porque somos atraídos não por desejos no corpo,
Mas por desejos na alma de unir nossas idéias,
Compartilhar nossos sonhos.
Quando é amizade o primeiro olhar é de afinidade na alma e no pensamento.
A amizade e o amor não gostam muito de se dar as mãos
Porque o amor é feito de opostos que se atraem
E a amizade é feita de iguais que se atraem...
Somos mais parecidos com nossos amigos,
Que com nosso amor, isso é fato...
Nosso amor morre de medo de perder o outro para a amizade,
Mas a amizade ri dessas bobagens do amor...
Depois de horas de encontro de amigos
Eu sempre quero os braços do meu amor...


Francisco Medeiros
J.Nunez

Publique sua Poesia

ENVIE SEU TEXTO PARA SER AVALIADA PELO  EDITOR DO BLOG CIDADE DE MARÍLIA
PARA QUE POSSAMOS PUBLICA-LO NA COLUNA Varal de Poesias

ENVIE PARA:

imparcialismo@gmail.com

Jornais e Rádios de Cidade de Marília

Correio Maríliense

Av. da Saudade, 394 A
Fone: (14) 3454 4000

http://www.correiomariliense.com.br/


Jornal Diário de Marília

Rua Coronel Galdino de Almeida nº 55

Centro Marilia - SP


http://www.diariodemarilia.com.br/


Jornal da Manhã de Marília
http://www.jornaldamanhamarilia.com.br/




Marília News

Fone: (14) 3433 0166
Cristiano Barro – Dir. Comercial
contato@marilianews.net
——————————————–
Redação
Envio de Releases
redacao@marilianews.net


http://www.marilianews.net/


Jornal Bom Dia - Cidade de  Marília

http://www.redebomdia.com.br

 

 

Rádios de Marília

Rádio Diário FM de Marília

Rua Coronel Galdino de Almeida, 55
centro - CEP 17500-100
Telefones: (14)3402-5122 -
Fax: (14)3402-5127 -
Telefone do ouvinte: (14)3402-5126
E-mails: comercial@diario.fm.br,
radio@diario.fm.br e
diariofm@diario.fm.br

http://www.diario.fm.br/



Rádio Itaipú FM de Marília

Av Carlos Artencio, 100
Marília - SP
Tel: (14) 3433-8563





Varal de Poesia Imparcialista


POESIA SEPARAÇÃO

Passagem só de ida


Não vou ficar aqui,

Esperando que a chuva cai;

Nem que tudo se acalme,

E eu comece a duvidar,

Que posso de fato viver

Sem o teu amor,

E por medo de solidão

Te perdoe mais uma vez.

Antes que eu possa me arrepender

Já quero estar a caminho

Para qualquer lugar

Que seja bem longe de você.

Se acaso sentir minha falta

Não me chame, não procure pôr mim,

Tenho passagem só de ida,

Para qualquer lugar de caminho sem volta,

Onde eu possa te esquecer

Ou morrer a míngua sem o teu amor,

Mas seja o que for , venha o que vier

Eu não posso mais voltar.

José Nunes Pereira

J.Nunez

Atendimento
Segunda à Sexta das 08:00 às 20:00
Sábado das 08:00 às 14:00
(14) 3311-5400
Rua 15 Novembro, 883 - Marília-SP

O Amor na poesia contemporâneo

A literatura imparcialista retrata o homem e a mulher moderna com suas liberdades sexuais resultantes de sua independência socio-econômica, e também o fatalismo do homem com seu instinto primitivo que leva muitas vezes ao crime por não conseguir aceitar a liberdade, a igualdade e a independência  dessa mulher contemporânea.

Manchete de crime passional


Esse amor contemporâneo

Pede um crime passional em uma noite qualquer,

Esse amor com liberdades e direito iguais,

Esse amor que reside entre as pernas

Esse amor que dispensa o coração

Pede um crime passional de um homem fatalista,

Mas eu não tenho esse amor clássico e

Muito menos esse fatalismo primitivo de machista.

Matar por amor é clássico demais para mim,

Eu sou um homem contemporâneo...

Eu na verdade nasci para o meu tempo,

Nasci para a passividade e para a libertinagem de meu tempo,

Desfruto da liberdade sexual que a mulher conquistou

Para si e para o homem de seu tempo,

Desfruto sem nem um pudor ou baixa estima.

A esse Vênus em gêmeos me deu essa leveza libertina,

E essa frouxidão canal e moral...

Eu não cometerei nem um crime passional,

Não serei manchete e nem um jornal,

Não haverá foto do crime porque não haverá crime algum,

Meu coração é contemporâneo

E sabe como ninguém juntar amor e amizade

Num mesmo corpo com um coração dentro.

Eu sei encontra no seu sorriso o amor

Que é um encontro de corpos

E a amizade que é um encontro de almas...

Deixemos nessa noite o amor descansar

Em minha cama de quarto de pensão

E vivamos hoje a amizade, vamos sair, a rua está deserta

E pede nós dois entre o carros estacionados

E sobre neblina que esconde as intenções...

Amanhã, amanhã dará nos jornais um crime passional

Que não foi cometido por mim...

Eu sou homem contemporâneo

E das mulheres eu desfruto a liberdade...

E sua imitação dos homens...

Hermínio Vasconcelos
J.Nunez

Escolas de Idiomas em Marília

Wizard Marília

Escola de Idiomas

Unidade I

Avenida Sampaio Vidal, 238
Fone: (14) 3422-6414
unidade1@wizardmarilia.com.br
Unidade II

Fone: (14) 3432-1371
unidade2@wizardmarilia.com.br

www.wizardmarilia.com.br

www.wizard.com.br




Next Ingles e Espanhol

R: Joao Patrocinio de Araujo, 16 - Altaneira
(14) 3417-3835

Fisk

Avenida Nelson Spielmann, 707 - Palmital
(14) 3433-8090




Ccbeu

 R: Coronel Jose Bras, 77 - Boa Vista
(14) 3454-4110

Ccaa Escola de Idiomas 

R: Comendador Fragata, 100 - Fragata
(14) 3413-8610

C F Cultura Francesa Idiomas

R:  Alvares Cabral, 72 - Centro
(14) 3453-2120

Associação Dos Professores e
Estudantes do Idioma Espanhol

R: Avenida Nelson Spielmann, 603 - Palmital

(14) 3413-7305


Microlins Formação Profissional

R: Av Tiradentes 650
(14) 3372-1833



Escola Gsp Idiomas

R: Rio de Janeiro 458 Centro
(14) 3326-5599
Cci - Centro de Comunicação Inglesa

Av Das Esmeraldas 767
(14) 3433-9234

Ale Idiomas Marília Ltda

R. Cel. José Braz, 262 - Centro,
CEP 17501-570 - Marília - SP
Tel: (14) 3413-1575



 Varal de Poesia Imparcialista

Manchete de crime passional
Esse amor contemporâneo
Pede um crime passional em uma noite qualquer,
Esse amor com liberdades e direito iguais,
Esse amor que reside entre as pernas
Esse amor que dispensa o coração
Pede um crime passional de um homem fatalista,
Mas eu não tenho esse amor clássico e
Muito menos esse fatalismo primitivo de machista.
Matar por amor é clássico demais para mim,
Eu sou um homem contemporâneo...
Eu na verdade nasci para o meu tempo,
Nasci para a passividade e para a libertinagem de meu tempo,
Desfruto da liberdade sexual que a mulher conquistou
Para si e para o homem de seu tempo,
Desfruto sem nem um pudor ou baixa estima.
A esse Vênus em gêmeos me deu essa leveza libertina,
E essa frouxidão canal e moral...
Eu não cometerei nem um crime passional,
Não serei manchete e nem um jornal,
Não haverá foto do crime porque não haverá crime algum,
Meu coração é contemporâneo
E sabe como ninguém  juntar amor e amizade
Num mesmo corpo com um coração dentro.
Eu sei encontra no seu sorriso  o amor que é um encontro de corpos
E a amizade que é um encontro de almas...
Deixemos  nessa noite  o amor descansar
Em minha cama de quarto de pensão
E vivamos hoje a amizade, vamos sair, a rua está deserta
E pede nós dois entre o carros estacionados
E sobre neblina que esconde as intenções...
Amanhã,  amanhã dará nos jornais um crime passional
Que não foi cometido por mim...
Eu sou homem contemporâneo
E das mulheres eu desfruto a liberdade...
E sua imitação dos homens...
Hermínio Vasconcelos
J.Nunez





Arquivo do blog

NOTÍCIAS

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA

HORÁRIOS DE ÔNIBUS - MARÍLIA
ÔNIBUS